domingo, 10 de julho de 2016

Nota oficial do Sepe-Lagos


Mais uma vez o prefeito tenta, através de "joguetes desesperados", desarticular e separar os trabalhadores de Cabo Frio. Desta vez a mentira usada é que não paga a Consercaf e a Guarda por culpa do SepeLagos. Absurdo total! Ele não paga porque não quer!!!

Cabo Frio é um município extremamente rico, com orçamento na porta dos R$ 800 milhões e não precisa estar com todos os serviços precários, educação e saúde sucateadas e servidores sem receber.

O que nitidamente vemos é um prefeito com atitudes um tanto infantis, fazendo birra porque a educação ganhou na justiça, ontem por volta das 11h da manhã, o direito de receber seus salários. Lembrando que a educação tem verba própria (Fundeb) e que só esse mês já entraram mais de R$ 9 milhões. É importante ressaltar também que, o processo que foi favorável à categoria, tramita na justiça desde outubro do ano passado.

Segundo ordem judicial, o prefeito terá que pagar à educação a quantia de R$10.463.502,67 (dez milhões, quatrocentos e sessenta e três mil, quinhentos e dois reais e sessenta e sete centavos). Sentença mais que justa!

Como podemos notar, essa decisão não interfere no pagamento dos outros servidores. Muito pelo contrário. O que o prefeito fez com a sobra de recursos - do período de janeiro à abril - que ultrapassa R$ 98 milhões? Dinheiro suficiente para pagar todos os funcionários da prefeitura nos meses de maio e junho (Isso só com a sobra). O prefeito não diz o que fez com todo esse dinheiro!

Não adianta tentar virar o jogo! Verba existe, o pagamento não é feito por maldade. Afinal, não existe outra explicação.

Estamos aguardando a próxima do "saquinho de maldades" do prefeito. Lamentável ver um Chefe do Executivo tão arredio, descompromissado e com tanto ódio do servidor!

Não adianta fazer joguinhos inescrupulosos e de baixo nível... Somos servidores, unidos e não desistimos da luta; até porque a luta digna e por direitos muda a vida. Quem sabe o prefeito aprende com a gente?!

Um comentário:

Anônimo disse...

Ou Paga a todos sem distinção ou nao pagam a ninguém, nada da educação receber primeiro.