sábado, 4 de junho de 2016

OPINIÃO | Não Adianta Chorar | Por Luiz Cláudio Júnior*


Falar que Cabo Frio está um caos na saúde, na educação e na segurança, virou quase  que um bordão, não humorístico, mas trágico. As crianças estão sem aula, vale lembrar, que a culpa não é dos professores, e sim do prefeito Alair Corrêa. O governante não paga aos servidores municipais e ainda quer vê-los trabalhando felizes e contentes, peço perdão pela redundância. De acordo com o Sindicato dos Profissionais da Educação (Sepe Lagos), não haverá aula nesta terça-feira (07\06\2016) e também na quarta-feira (08\06\2016). A paralisação de terça será para acompanhar à sessão da Câmara Municipal e a de quarta terá atos descentralizados, e Assembleia às 18h, no Colégio Edilson Duarte. Seria de suma importância à participação de pais de alunos e de toda à sociedade cabo-friense, pois as reivindicações dos nossos mestres é justa, aliás, justíssima. Não posso esquecer, é claro, porque fui cobrado por leitores desta coluna, que todos os servidores da cidade estão passando pelo mesmo sofrimento dos nossos educadores, e igualmente estão sem receber os seus salários. Bom, essa semana teve de tudo: corte de energia elétrica por parte da concessionária,  Ampla, em repartições da Prefeitura e, há quem diga, que até às luzes do gabinete do prefeito, Alair Corrêa, foram cortadas; o empréstimo de R$ 200 milhões não entrou na pauta da Câmara por medo da repercussão negativa que teve no município; e a lamentável agressão sofrida pela assessora de imprensa do Sepe Lagos, Keetherine Giovanessa. Ainda não se sabe o porquê dessa violência, já que ela foi abordada subitamente por um desconhecido com um tapa na boca, quando caminhava em direção ao seu curso, o agressor não levou nenhum pertence da jornalista, apenas fez sinais com às mãos apontando para os olhos, como quem diz: “Estou de olho em você”. Quer dizer, a panela política já está fervendo antes do tempo previsto na nossa terra amada. É evidente, que não quero aqui, acusar ninguém. Até porque não vi o ocorrido e seria leviandade da minha parte, levantar suspeitas de alguma pessoa. Contudo, à polícia está fazendo o seu trabalho de investigação, e com toda certeza, o culpado será punido.
Enquanto isso, na Câmara Municipal... os vereadores estão surpresos com o ativismo político dos munícipes e dos sindicatos de categoria. A população está contra o famigerado empréstimo milionário de R$ 200 milhões pedido pelo executivo. E afirma nas redes sociais, repudiar o vereador que votar a favor dessa sandice. O medo tomou conta dos nossos nobres edis, todavia, falta pouco para à campanha eleitoral começar, e se queimar agora com o povo seria idiotice demais. Porém, à operação “Não Reeleja Vereadores de Cabo Frio” continua crescendo cada vez mais entre os eleitores cabo-frienses, e isso anda incomodando os nossos atuais legisladores. Como diria o poeta de bar: “Quem não trabalha, não tem argumentos para questionar a carta de demissão.” Então, não adianta chorar. 



Até à próxima, minha cara amiga leitora!!!                 Até breve, meu caro amigo leitor!!!


*Luiz Cláudio é jornalista e escreve neste Blog aos sábados;

Um comentário:

Julio disse...

Oh da " capital da região dos lagos, na terça-feira não haverá aula para acompanhar a sessão na câmara. É isso mesmo que eu acabei de ler?
Ja pensou se a " moda " pega!
Cabo Frio ta que só Jesus!

Mão reeleja vereadores e o nem prefeito . Positivo!
Mas nas eleições de 2012, alguns vereadores " escaparam " da " negativaçao ".