sábado, 14 de maio de 2016

OPINIÃO | Ledo engano | Por Luiz Cláudio Júnior*


O prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa, foi condenado a pagar R$ 200 mil  reais diários, caso não cumpra dentro de 30 dias, o Termo de Ajuste de Conduta (TAC), firmado com o Ministério Público com o objetivo de abrir concurso público para diversos cargos no município.Vale lembrar, que essa multa é pessoal, então ela não pode entrar na conta dos impostos pagos pelos contribuintes. Para piorar o inferno astral do governante cabo-friense, o Ministério Público entra de novo no caminho dele (Alair Corrêa), dessa vez encaminhando um ofício à Câmara Municipal, no qual recomenda, sob pena de responsabilidade individual dos vereadores e do prefeito, que seja suspensa à tramitação do projeto de lei que autoriza à contratação de empréstimo  pelo Poder Executivo Municipal. Aí você pensa: “Nada pode ser tão ruim, que não possa melhorar.” Ledo engano, pois o professor Rafael Peçanha, dono deste Blog, diga-se de passagem, entrou com uma Ação Popular, junto com o deputado estadual Janio Mendes, que pede à justiça que impeça o mandatário da cidade de contrair um empréstimo  de R$ 200 milhões de reais junto à instituições financeiras. O processo recebeu o número 0007358-22.2016.8.19.0011 e pode ser consultado por qualquer cidadão através do site do Tribunal de Justiça. Bom, o Alair falou em entrevista à Inter TV,  que sem esse dinheiro, a capital da Região dos Lagos iria falir. Vamos lá, eu te pergunto: como assim falir, se essa grana não pode ser usada para pagar servidor e muito menos para melhorias nos bairros? Te indago novamente: onde iria ser aplicada essa bolada? Há quem diga, que na campanha de reeleição do prefeito e dos vereadores parentes dele. Será? É, por essas bandas pode se esperar de tudo. 

Enquanto isso, na Câmara Municipal... apesar da invasão dos professores no plenário, onde protestavam  por conta da falta de pagamento e contra o famoso empréstimo de R$ 200 milhões, a maioria dos nossos legisladores se escondiam em seus gabinetes, já outros faziam cena e atuavam como supostos “opositores” ao atual governo. Enfim, fica a indagação: eles (vereadores) são a favor ou contra o empréstimo de R$ 200 milhões? Porque isso não ficou claro, pelo menos pra mim. E pra você? 

Até a próxima, minha cara amiga leitora!!! Até breve, meu caro amigo leitor!!!

* Luiz Cláudio é jornalista e escreve no Blog aos sábados.

3 comentários:

Anônimo disse...

E o 13 salário ninguém fala mais nada cadê o sepe

Julio disse...

Afundada em 01 de Janeiro de 2013.
Cidade onde os heróis nem sempre são heróis;
Onde a hipocrisia beira quase a perfeição ;
Conta com um lindo terminal Horroviario (com H mesmo. H de horror!), para receber os " duristas" de qualidades;
Uma moderna Arena Correao multilixo, digo multiuso ;
Com uma excelente rede hospitalar: Uma maternidade que não possui UTI Neonatal e um Hospital pediátrico que possui UTI pediátrica ;
Pacientes são transportados para exames oftalmológicos em clínicas especializadas em Niteroi ;
Um avançado sistema de marcação de consultas: chega com o sol do início da tarde e sai na companhia da lua ;
Em caso de acidentes com traumas graves, todos para Araruama ;
Um belo e moderno sistema de ensino: " descansa " mais que estuda ;
Entretenimento: a nada a declarar! Apenas o corre-corre de saradas ratazanas na night na principal para da cidade. Não estamos na Europa para esquilos nos parques, vamos de ratazanas na praia mesmo ;
Um primoroso sistema de transporte: onde a concessionária tem " autonomia " ;
Ruas e calçadas inspiradas na lua.

Acima relacionados às principais características da cidade de Cabo Frio, mais conhecida como a " capital da Região dos Lagos ".
Ah, também pode chamar a " capital da região dos Lagos " de cidade pagode. Afinal de contas, é pagode ou não é?

Anônimo disse...

O que fica clara é a má fé!