ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Em sessão recheada de faltas, população fiscaliza o Legislativo, mas empréstimo não vai para a pauta.

Profissionais da educação e da saúde fizeram vigília na porta da Câmara novamente para evitar qualquer golpe por parte do governo, mas, mais uma vez, o pedido de empréstimo feito pelo prefeito Alair Corrêa, o Fantasma do Ibascaf*, não foi para a pauta da sessão desta terça-feira, que, aliás, teve um dos recordes de falta da legislatura. Todos os vereadores da Mesa Diretora, simplesmente, não apareceram.

A pressão popular dos trabalhadores da cidade tem sido fundamental para levar o governo a fazer o que tem feito: ter medo de colocar o pedido em pauta para perder. É cada vez maior o temor dos vereadores em votarem favoravelmente a um projeto impopular, referente a um dinheiro que certamente não será usado para melhorar a vida da cidade, mas sim  para afundá-la cada vez mais em detrimento de poderosos que com certeza se enriquecerão.

COMENTÁRIO: é vergonhosa a quantidade de faltas individuais dos vereadores ao longo desta legislatura e a quantidade de sessões que não aconteceram por falta de quórum. O que eles querem? Ganhar sem trabalhar enquanto nós, servidores, trabalhamos sem ganhar? É incontestável a oposição entre população e Legislativo. Nunca tivemos uma Câmara tão ruim e tão distante da vontade popular.

*O prefeito Alair Corrêa pode ser chamado de "O Fantasma do Ibascaf" porque, certa vez, conseguiu se aposentar pelo instituto sem jamais lá ter trabalhado, num processo que durou apenas um dia, enquanto tantos trabalhadores hoje, com esse direito, têm seus pedidos negados por seu próprio governo. Quer ver as provas do que estamos falando? Clique aqui.

Nenhum comentário: