segunda-feira, 21 de março de 2016

FOLHA DOS LAGOS | Professor pede suspensão de decreto de emergência na Saúde.

A Folha dos Lagos divulgou em seu site e na versão impressa deste sábado nossa ação no Ministério Público pela suspensão do Decreto Municipal 5.498 de 2016. Não deixaremos que a legislação brasileira seja rasgada em prol de interesses sombrios em ano eleitoral. Se quer contratar sem licitação e mudar servidores de lotação terá de provar - e muito bem provada provado - que o governo não é responsável pela crise. Queremos ver cada contrato; cada nome contratado; cada sócio de empresa; gastos e folha de pagamentos. 

Um comentário:

Anônimo disse...

Parabéns Rafael, por sua coragem e conduta, sempre visando o melhor para a cidade.
# coragem sempre