domingo, 14 de fevereiro de 2016

EDITORIAL – Aos pais, mães e responsáveis de alunos da rede municipal de Cabo Frio.


É evidente há alguns dias, nas redes sociais, o uso da máquina pública pelo governo Alair Corrêa com o objetivo de convocar uma “manifestação” contra o Sepe nesta semana. 

São ex-cabos eleitorais e atuais portariados (alguns que chegam a aparecer em seus postos de trabalho, outros nem tanto), escalados para comandar e convocar, como se fosse esta uma ação legítima de pais e responsáveis por alunos da rede municipal. Some-se ainda a presença de lideranças pueris, que estudam na rede privada, adoradores de um prefeito a quem chamam “lenda viva”, funcionários do jornal chapa-branca da gestão municipal, com familiares também contemplados com cargos comissionados na estrutura de poder.

O objetivo é claro: usar, de forma maquiavélica, os pais e responsáveis da rede contra o legítimo movimento de profissionais da educação, que lutam contra esse mesmo governo representado pelos portariados em questão. Um governo que não paga salários; nega direitos; ofende trabalhadores; persegue servidores. Ninguém ali tem o real objetivo nem o desejo do retorno às aulas.

Chamamos aqui os pais e responsáveis que estão em dúvida se comparecerão ou não ao “ato dos portariados”. Você paga quase cinco reais de passagem de ônibus, não é? Sente falta de um programa social que barateie ou torne gratuitas suas viagens em ônibus na cidade, não é verdade? Você sofre com ausência de vale-transporte, correto? Pois bem. O governo que nega a você melhoria no preço desse serviço vai colocar ônibus de graça para que portariados venham para a “manifestação”. Coerente, não?

Convidamos os responsáveis a essa reflexão. Quem são os profissionais da educação e quem são os que estão do outro lado, promovendo este “ato”? 

Os que estão “daquele” lado são portariados, recebem do governo para cumprirem seu papel político de bajular e levantar a moral de um gestão sem moral, aquele mesmo governo que deixa faltar merenda, água e papel higiênico na escola do seu filho; remédio no posto perto da sua casa; médico no hospital do seu bairro; obras na sua rua. 

Do nosso lado estão os profissionais da educação. Aqueles que cuidam dos seus filhos. Que os ensinam. Que os ouvem quando vocês, por força da luta e do trabalho, não podem fazê-lo. São aqueles que trabalham para complementar, na sala de aula e nos corredores da escola, o processo de educação que vocês tanto suam para desenvolver dentro de casa. São aqueles trabalhadores que, por conta dos atrasos salariais e ausências de pagamentos do décimo-terceiro, férias, triênio, consignados, vale-transporte e outros direitos, têm pedido – escondido e baixinho – 20 reais emprestados a um amigo para colocar comida em casa. São aqueles que têm contado com ajudas de companheiros para pagar contas de luz e de água. São aqueles que trabalham de verdade, como vocês, e não como os que se penduram em cabides de emprego.   

Pai, mãe, responsável, a escolha é e sempre será sua. Não se deixe enganar. A foto da “manifestação” poderá estampar exclusivamente rostos políticos carimbados de quem recebe para estar ali. Não se misture. Não permita ser usado. Aguarde, porque, em seguida, nós iremos conversar com cada um de vocês, olhar nos olhos, falar e ouvir a verdade.


Bom dia!

3 comentários:

Anônimo disse...

Lenda viva!
Melhor saúde do estado!
Cidade mais limpa do Brasil!
Melhor carnaval do estado!
Praia mais bonita do Brasil!
Melhor prefeito do brasil!
Isso e gozacao,brincadeira!
Fala serio!

Anônimo disse...

Interessante o post feito em outro blog,a respeito de um certo menino que se apresenta como prodígio...de acordo com o chamado "pai dos burros", prodígio é "coisa ou pessoa anormal", portanto me parece adequado...além disso,ñ se pode esperar muito de alguém cuja mãe age dessa forma desde o último mandato de MM,até onde eu me lembro...considere a pouca idade da pessoa, e o período a que ele vem sendo exposto às brilhantes colocações de sua genitora, e tudo se explica...uma coisa ñ se pode negar: o nível da escrita dele é muito superior ao dela...rezemos,oremos, batuquemos por ele...de repente essa alma consegue salvação.

Anônimo disse...

Sei q nao e o assunto em pauta mas Rafael vc sabe alguma informação sobre o desconto indevido do ibascaf q estavam pagando e parou? Existe alguma ação Tomar? Obrigado