quinta-feira, 8 de outubro de 2015

EDITORIAL - Direito ou humilhação?


Tem causado revolta, todos os meses, o drama do pagamento do funcionalismo público de Cabo Frio. Datas trocadas, incertas; compromissos assumidos e não cumpridos; pagamentos fora do valor devido; e descontos indevidos, como no caso do crédito consignado não repassado pela prefeitura aos bancos.

Além da desorganização do governo, impressiona também a humilhação sofrida pelo servidor, simplesmente, ao ter seu direito pleiteado. Não se pede nada além do que é obrigação: receber, num dia dia certo, a quantia certa. Mas nem isso a gestão Alair Corrêa consegue fazer.

Ao invés das aves de rapina que sobrevoam e bicam com precisão aquilo que lhes é de direito dentro da cadeia alimentar, os servidores são tratados pelo prefeito como urubus, tendo de se esmerar em bicar, de forma desorientada e incerta, os restos de carniça atiradas por quem deveria oferecer saborosos frutos.

Mas vai acabar. Infelizmente, ainda faltam 453 dias. Enquanto isso, estaremos na luta.

Bom dia!

7 comentários:

Anônimo disse...

O município de São Pedro também está atrasando!!!
Todos os funcionários estão sem pagamento!!
Absurdo!!!
Não é até o 5° dia útil??? Não cumprem a lei!!!
Terra de Malboro!!!

Aline disse...

Falando em pagamento, Rafael, será que alguém teria idéia de quando os contratados irão receber esse mês? Hoje, dia 10/10 e nada ainda...
Será que alguém tem alguma informação?

Anônimo disse...

Não repasse do crédito consignado, isso w um Absurdo! E o banco retira duas vezes do nosso salário pelo roubo de outro pagamos o pato

Anônimo disse...

Tem tb os por de trás do prefeito, os controladores, quem controla?

Anônimo disse...

Será q ela irá pagar os juros que as pessoas pagam por pagar suas contas em atraso???

Anônimo disse...

Hj ainda nao recebi.... vc ja?

Anônimo disse...

TEM QUE PARAR TODO MUNDO!! IMPEACHMENT PARA O PREFEITO JÁ! TEM QUE IR TODO MUNDO PARA PORTA DA PREFEITURA!!