ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

sábado, 8 de agosto de 2015

As MIGALHAS de hoje...


#Sede
Todo mundo lembra, publicamos no Blog, que a Secretaria Municipal de Educação sairia de sua sede alugada nas proximidades da Praia do Forte e passaria para outro prédio. Como anda a mudança?

#Conversas
O governo está tão ruim, que, nas últimas duas semanas, teve mais governista conversando com a oposição do que com o próprio prefeito. Desse jeito, não vai ter ninguém para apagar a luz.

#Conversas II
E olha que teve muita gente do primeiro escalão procurando o outro lado. Que coisa.

#Adiantamento
E os adiantamentos dos royalties, irão sair? É estranho obter um valor significativo como adiantamento de uma receita que, em si mesma, não existe, e pior: que só tende a cair até 2030. Como garantir a solvência dos pagamentos para os próximos anos?

#Adiantamento II
Embora “salve” as contas da cidade para os próximos meses, o adiantamento é uma irresponsabilidade financeira e fiscal, gerando, direta ou indiretamente, sérios danos para as próximas gestões, que, certamente, não serão conduzidas pelo atual grupo político no poder.

#Adiantamento II
Os juros são absurdos e a garantia de pagamento é uma receita perigosa, incerta e em crise. O que deveríamos fazer era exigir do prefeito a transparência total das contas públicas e, coletivamente, reorganizarmos a forma de gerir as finanças da cidade, eliminando custos desnecessários e possíveis desvios. Antes de pedir emprestado, precisamos entender para onde foi o dinheiro.

#Planos
Numa certa prefeitura do nosso estado, há 3 planos do grupo governista para o futuro próximo.

#Planos II
O plano A, claro, é buscar a reeleição do prefeito, o que seria muita difícil. O moço bate 80% de rejeição na praça.

#Planos III
O plano B, por sua vez, é lançar um parente como candidato à sucessão do grupo. Tem filho no páreo por lá, mas não ganha nem com reza brava.

#Planos IV
O plano C, finalmente, é aquele do governante simular problemas de saúde (mental ou do coração) para renunciar ao governo antes do fim. Isso se a crise piorar e não tiver mais jeito – a tentativa será uma saída quase honrosa, como vítima do próprio tempo e idade.

#Pergunta
Será que vai dar certo?

#Benefício
E os servidores que dependem dos benefícios do Ibascaf, e que estão sob auxílio-doença, por exemplo? Não receberam ontem. Como já bateu o quinto dia útil do mês, vamos à justiça mais uma vez – faremos questão de acionar o Ministério Público.

#Contagem
Faltam 22 dias para o fim do prazo que o prefeito Alair Corrêa tem para designar um membro do Poder Executivo que assine as Carteiras de Trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate a Endemias Vamos lá?

#Acampando
Taz Mureb (foto), grande artista da cidade, acampou na frente da Prefeitura de Cabo Frio, em protesto pelo não pagamento do PROEDI. Todo apoio à atitude dela. Só chocando esses caras, talvez, o povo consiga seus direitos. Que sirva de exemplo. Parabéns.

#Acampando II
Falando nisso, o artigo de Fábio Emecê sobre o protesto de Taz, publicado no Jornal do Totonho, é muito bom. Parabéns ao autor, concordo com tudo o que ele diz. Quem quiser ter acesso ao texto, basta clicar aqui.

#Detalhe
É, no mínimo, deprimente ver a cultura da cidade nessa situação caótica.

#Detalhe II
Depois de receber a promessa do pagamento para ontem e não receber, Taz voltou a ocupar a Praça Tiradentes, agora, com mais artistas. Boa! Se Cabo Frio tivesse uns 5 grupos desse, já estaríamos 10 anos à frente no cenário cultural nacional.

#Garotinho
O ex-governador Garotinho anda isolado em seu próprio partido, o PR. Geraldo Pudim e Jair Bittencourt nem ligam mais para suas ordens. Como as coisas mudam.

#Nota
Faleceu o Senhor Darcy, pai do governador Pezão (PMDB) nesta semana.

#Cavalos
E a saga dos cavalos soltos em Cabo Frio continua. O problema, mais uma vez, foi notícia no Site G1. Para saber mais, clique aqui

#Papo

O papo que comissionados e contratados ouviram no setor de Recurso Humanos da prefeitura de Cabo Frio teria sido o de que aqueles que recebem mais de mil reais só veriam a cor da grana no meio da semana que vem, e os que recebem menos do que isso, hoje ainda. Será?

2 comentários:

Anônimo disse...

Rafael de nome aos bois...

Anônimo disse...

E o caso da Alexandra codeço , como ficou? O governo fez algo ? Pelo menos justificou ou negou? que coisa ne? Depois a mesma vem posando de santa ....