ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Possivelmente por falta de pagamentos, Banco BMG rompe convênio com a Prefeitura, e servidores, mais uma vez, pagam o pato.

São notórias e constantes, em nosso Blog, as notícias sobre servidores que firmam contrato com o Banco BMG, a fim de obterem crédito consignado (cujas parcelas são descontadas diretamente no salário) mas passam por problemas, já que a prefeitura não repassa os descontos nos vencimentos para o Banco, ou o faz com (muito) atraso.

Não temos um posicionamento oficial, mas, muito provavelmente, por causa desse problema, o banco decidiu romper o convênio com a prefeitura de Cabo Frio e encerrar a parceria.

Com isso, os servidores, mais uma vez, pagam o pato. Alguns receberam a carta abaixo. Perderão seus cartões de crédito e terão de pagar suas dívidas com o banco o mais rápido possível, já que o acordo vai se encerrar:


Essa é a dignidade que o o governo anuncia na propaganda?

4 comentários:

Anônimo disse...

Não apenas o BMG. Ontem fui ao Banco do Brasil na esperança de conseguir um empréstimo consignado e recebi a notícia de que o convênio com a prefeitura está suspenso temporariamente.

Cosme Carvalho disse...

eu tambem fui tenta pega no bmg não consegui não sei porque a prefeitura faz isso se dinheiro nosso que é descontado no contracheque vai entende

Cosme Carvalho disse...

não sei porque a prefeitura faz isso não repassa o dinheiro para o bmg se discontado no nosso contracheque o emprestimo vai entende isso

Anônimo disse...

eu tambem fui fazer um emprestimo no bmg não consegui , não sei porque a prefeitura não repassa o dinheiro para o bmg se descontado no nosso contracheque vai entende