segunda-feira, 22 de junho de 2015

Fazzendo contas - Os repasses do Ibascaf.

Em Iguaba Grande, a Câmara abriu uma CPI para investigar o Instituto de Previdência local. São cerca de 35 milhões de reais recolhidos dos funcionários pela prefeitura e não repassados para o órgão.

Quanto será o montante das contribuições não repassadas aqui em Cabo Frio?

Por que os vereadores não abrem uma CPI?

Afinal, por aqui, onde ninguém consegue se aposentar, vamos calcular que a prefeitura tem de repassar ao Ibascaf 22% da folha dos estatutários, de apoximadamente 10 milhões mensais, ou seja o repasse tem que ser de, no mínimo 2,2 milhões, ou quase 30 milhões por ano.

Que coisa.

Um comentário:

Flávio disse...

COMPARP JÁ!!!!!!