sábado, 16 de maio de 2015

EDITORIAL - Ainda a Saúde.


Com o aprofundamento e a multiplicação de demissões; a "posse" do prefeito como Secretário e o caos no qual se encontra a Saúde de Cabo Frio, não poderíamos abrir o dia com outro assunto.

Ontem, 4 funcionários da Secretaria prestaram esclarecimentos à justiça. Tivemos depoimentos de quase 4 horas. Sabemos que as reviravoltas - todas negativas - na pasta são tentativas desesperadas de salvar a prefeitura de um procedimento investigatório no setor que, se for a cabo, tornar-se-á um dos maiores escândalos da história da cidade.

Por outro lado, há a expectativa e a possibilidade de que o projeto real do governo seja dar à uma O.S. (empresa privada) a administração do setor no município. Quem ganha com isso?

Ademais, blogs governistas anunciam as grandes "medidas" de saneamento da área: recadastramento de prontuários e criação de uma ouvidoria. Será que é difícil perceber a enganação das notícias, ao se descobrir que a Saúde municipal já possui duas ouvidorias (uma municipal e a outra do SUS)? Será que a saída para a crise financeira é gastar duas vezes com o mesmo serviço?

O povo não quer saber de recadastramento de prontuários, que podem servir para agasalhar mais e mais portariados. O povo quer é exame; remédio; cumprimento de medidas judiciais (medicamentos e cirurgias). Chega de enganação. Quem está no comando da saúde quer mesmo é a doença.

Bom dia.

7 comentários:

Anônimo disse...

Professor vale apena explicar ao povo o que vem a ser uma OS na Saúde. Pois falando com uma amiga, que inclusive já passou por esta pasta, a mesma me perguntou: OS ? Ordem de Serviço???? kkkkkkk

Anônimo disse...

Conheço um monte de funcionário demitido retornando ao cargo. É Teatro!!!

Anônimo disse...

NO FACE DO GOVERNO CONSTA QUE ELE IRIA PAGAR O REAJUSTE DO FUNCIONALISMO ATÉ O DIA 15 DE MAIO CONFORME O PCCR , E HOJE, DIA 16 DE MAIO ATÉ AGORA NADA. NINGUÉM ACREDITA MAIS NESSE DESGOVERNO. É UMA FALTA DE RESPEITO MUITO GRANDE CONTRA O FUNCIONALISMO. ESSE GOVERNO VAI TOMAR UMA SURRA EM 2016, TODO O FUNCIONALISMO E SUA FAMÍLIA VÃO VOTAR CONTAR ELE OU O SEU SUCESSOR!!!

Agrocha disse...

EU TENHO A NÍTIDA IMPRESSÃO DE QUE ESTÃO ENXUGANDO GELO COM ESSA HISTÓRIA DE VISITAS EM HOSPITAIS E UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE. NA VERDADE ISSO NÃO VAI RESOLVER NADA, NÃO PRECISA SER ESPECIALISTA EM SAÚDE PÚBLICA PARA SABER DISSO. ALIÁS, ISSO JÁ FOI FEITO POR ESSE MESMO GOVERNO NO HMOCS EM 2013 E NÃO ADIANTOU NADICA DE NADA, AO CONTRÁRIO, O HOSPITAL DO JARDIM VAI DE MAL A PIOR, NUNCA MELHOROU EM NADA.
O QUE PRECISA SER FEITO É SABER O QUE ESTÁ SENDO FEITO COM A VULTUOSA VERBA DA SAÚDE QUE CHEGA AO FUNDO MUNICIPAL REGULARMENTE E NÃO APARECE EM SERVIÇOS E MELHORIAS PARA O POVO. SEM CONTAR OS PROGRAMAS QUE JÁ VEM COM VERBA CARIMBADA QUE ESTÃO ESQUECIDOS.
FAZER VISITAS É GASTAR SOLA DE SAPATO A TOA E RECADASTRAR PACIENTE É JOGAR TEMPO E DINHEIRO FORA!
A SAÚDE NÃO SE RESUME APENAS A MÉDICOS E MEDICAMENTOS, VAI MUITO ALÉM DISSO.
E O "ALÉM DISSO" NÃO ESTÁ SENDO PRIORIZADO, LAMENTAVELMENTE!

Filadelfo disse...

Prezado Prof Rafael, bom dia.
Desconheço na vida pública do poder executivo esta situação.Poderia sim o Prefeito se licenciar.Assumindo o Vice, que o nomearia para Secretário.Seria esta normativa tratativa, outra maneira, gostaria de saber amparado em que Legislação.Filadelfo

Rafael Peçanha disse...

Caro amigo, as O.S.'s são Organização Sociais, entidades jurídicas que, com maior facilidade, podem assumir funções de administração pública como se terceirizadas fossem, especialmente, na área da saúde. Um abraço!

Rafael Peçanha disse...

Caro Pastor Filadelfo, não houve afastamento do prefeito do seu cargo oficialmente. Ele acumula legalmente o cargo de prefeito e a pasta da saúde. Toninho assume s funções governativas porque ele é o secretário de governo e pode ordenar despesas e assinar uma boa parte das ordens. Na verdade, toda essa mudança foi verbal, como se faz num acordo de boteco...desse jeito anda sendo administrada nossa cidade: sem lei, sem seriedade...uma lástima. Um abraço.