terça-feira, 19 de maio de 2015

Comissão de Reforma Política da Câmara Federal fecha acordo.

A comissão especial da Câmara dos Deputados, que estuda a reforma política, entrou ontem em acordo para a reunião que acontece hoje: o distritão (que substitui o atual sistema proporcional para o Legislativo pela eleição dos mais votados nos estados) vai ser aprovado e também a unificação dos mandatos, de vereador a presidente, com eleições realizadas na mesma data, sendo todos os cargos com mandatos de seis anos - até os senadores, que hoje têm oito.

Mas a aprovação da proposta na comissão não vale muito: será preciso negociar com os deputados. E são 308 dos 513 deputados que precisam dizer "sim" às mudanças para que elas passem a valer.

COMENTÁRIO: Nosso Blog é completamente favorável à unificação das eleições e o aumento dos mandatos, mas completamente contra o fim do sistema proporcional, que ainda permite a eleição de candidatos com menor poder aquisitivo, representantes das minorias.

Nenhum comentário: