sexta-feira, 3 de abril de 2015

OPINIÃO - Sobre as articulações de Impeachment.


Começaram a surgir, nas redes sociais, articulações em prol do Impeachment do prefeito Alair Corrêa, devido à crise que se abate sobre a cidade. Uma manifestação, no próximo dia 12 de abril, com esse objetivo, já está sendo agendada.

Sou totalmente contra esse tipo de articulação.

Embora o Impeachment seja uma previsão legal e democrática no direito brasileiro, considero uma forma disfarçada de golpe, neste caso, e uma maneira imediata, nervosa e fácil de se resolver o problema.

Acredito que o governo atual precisa também sentir na pele a rejeição maciça da população aos seus desmandos, e isso não acontecerá, senão dentro do poder, perdendo-o de maneira retumbante nas eleições do ano que vem.

Ninguém deveria gostar de perder um jogo por "W.O." 

A hora agora é de lutar pela cidade, sem dar as mãos ao governo, valorizando e ajudando nosso povo, bem como colocando a atual gestão em seu devido lugar: ocupando o poder, mas também, a qualidade de rejeitado pela população.

7 comentários:

Anônimo disse...

Impeachment, um prefeito que tem 100% da câmara de vereadores em suas mãos, presidente e toda mesa diretora, o prefeito pode até deixar a prefeitura, pelos meios da justiça, também acho missão quase impossível, a melhor maneira é no voto, isso se oposição se juntar, caso contrário ainda há chance de reeleger, todo cuidado nessa hora, nada de divisão da oposição, é um caso a pensar muito sério, o povo tem uma memória muito fraca.

Julio disse...

Concordo plenamente!

Alex Damaceno disse...

As eleições de 2016 prometem....rs

Filadelfo disse...

Prezado Pro Rafael, boa tarde.
Sou TOTALMENTE CONTRA. Este governo que ai está, tem à legitimidade de ter vencido no "forum" competente às urnas. Se à Administração é pífia, debochadora, dos munícipes que ainda pensam nesta cidade é outra coisa. O que tem feito o MPE nas questões vigentes: demissões, licitações e contratos rompidos? Somos sabedores do caos, mas não favorável à a este instrumento legal, mas desnecessário, para este momento, excetuando se os Órgãos competentes: Câmara Municipal, MPE, TCE,MPF, CGU, AGU,assim o solicitarem a quem de direito - à JUSTIÇA.
Filadelfo

Agrocha disse...

CONCORDO PLENAMENTE!!

ISSO DEVE ESTAR SENDO ARTICULADO POR GENTE DO PRÓPRIO GOVERNO PARA TENTAR SALVAR A IMAGEM DO PREFEITO...ESPERO QUE O POVO NÃO CAIA NESSA ADERINDO AO MOVIMENTO!!

Anônimo disse...

Pela que eu entendi do decreto, ele dispensou todos os cargos comissionados. Pergunto as Escolas vão ficar sem diretores, os hospitais vão funcionar sem chefia por dois meses. Isso pode? Acho isso é questão de impeachment.

Anônimo disse...

Essa data é para o povo ir as ruas,para defender o país da corrupção. É o dia nacional para lutar pelos políticos que o povo não está dormindo .