quarta-feira, 22 de abril de 2015

ABRINDO A CAIXA-PRETA DA PREFEITURA DE CABO FRIO [Segunda Temporada: "A Crise"]: Prefeitura tinha meio milhão em caixa para a educação, mas não pagou servidores concursados.

A "crise" pela qual a prefeitura de Cabo Frio passa precisa mesmo ser questionada, inclusive, nas barras da justiça. Um exemplo de que a situação não parece tão crítica assim é o fato de que, no final do mês de março, 7 dias antes da coletiva do dia 31, que anunciou as tais "4 mil demissões", o governo concedeu complementação orçamentária à Secretaria Municipal de Educação, devido à existência de superávit do ano de 2014 - mais de meio milhão de reais em caixa:


Enquanto isso, dezenas de servidores, inclusive concursados, ficaram sem receber. Isso é digno?

A crise é de competência, não de petróleo. A crise não é o royalty - é o governo.

Nenhum comentário: