quarta-feira, 4 de março de 2015

MIGALHAS do almoço - A reunião dos Secretários municipais.


#Reunido
O prefeito Alair Corrêa esteve reunido com os secretários ontem.

#Reunido II
No papo, o governante ressaltou a crise financeira do município e assumiu a má fase de sua gestão, reafirmando aos seus secretários que aqueles que não estiverem satisfeitos podem pular do barco.

#Solução
O encontro também serviu para o governante dizer que descobriu a solução para a crise dos royalties: o turismo. Tá bom.

#Espiões
No momento mais nervoso, o prefeito teria dito que ‘tinha certeza” de que o teor da reunião iria parar no ouvido da oposição em minutos. Nessa ocasião, o governante teria citado nosso nome, ao que agradecemos a referência.

#Espiões II
Maldade pura. Jamais alguém faria isso.

#Confiança
Quando um governante perde a confiança em seus secretários e estes também deixam de dedicar sua atenção ao mesmo, temos o claro sinal de um governo em frangalhos, prestes a sucumbir. Nesse caso, “pular do barco” é uma questão de inteligência, não de fidelidade.

#Opinião
Na verdade, entendo que o atual governo não está em crise. Ele é a própria crise da cidade.

#Opinião II
Sobre o turismo como “solução”, creio que o atual estilo turístico da cidade não salva nem uma casa, quanto mais uma cidade. Ademais, uma saída para uma eventual crise dos royalties deveria ter sido pensada pelo atual prefeito desde sua gestão iniciada em 1997, quando passou a usar, até hoje, os recursos petrolíferos para shows de preços suspeitos e obras megalomaníacas, sem preocupação coma  infraestrutura a longo prazo e o futuro da cidade.

#Transparência
Não poderia esquecer de salientar que o governante teria dito que seu governo era transparente. Claro. Então vamos combinar – que tal colocar os CNPJ’s das empresas prestadoras de serviços em todas as publicações, como manda a legislação federal? Essa eu quero ver.

#Pesquisa
A convocação da reunião, certamente, tem relação com a última pesquisa de intenção de voto para a prefeitura de Cabo Frio, cujo resultado foi divulgado na última quinta-feira. Nela, a taxa de rejeição do governante aparece elevadíssima.

#Boa
Muito boa a matéria da Folha dos Lagos de ontem sobre a mudança de horário das sessões da Câmara Municipal de Cabo Frio. As reuniões passaram para o turno da manhã em prol da economia de energia. Ou não.

#Sepe
O Sepe-Lagos se reuniu ontem e aprovou nova pauta de reivindicações a ser entregue ao prefeito nos próximos dias. Tá certo. Necessidades de mudanças não faltam na Educação do município.

#Fé
Nos dias 12 e 13 de setembro, acontece em Angra dos Reis o 7º Encontro Estadual de Fé e Política, que prepara o 10º Encontro Nacional, em novembro.

#Culpa
No primeiro ano, a culpa do mau governo foi do governo anterior. No segundo ano, a culpa foi do PCCR. Neste ano, a culpa é dos royalties. A desculpa do ano que vem já está pronta?



2 comentários:

Anônimo disse...

O turismo como solução... E como isso será realizado? Planejamento agora, aos 45 min do 2º tempo? Não pensaram no turismo antes? AGORA estão pensando no turismo apenas pela queda de arrecadação dos royalties? Três coordenadores, gestores, o que sejam, e agora o turismo é a solução? Tirará CF do buraco que eles mesmos cavaram?
Sim, excelente ideia, CF tem tudo para isso, mas encontra-se carente de tudo! Como oferecer aos turistas algo que nem temos?
E a infraestrutura básica não apenas aos turistas, mas a todos os munícipes?
E a questão do trânsito na alta temporada?
E quem fiscalizará os horrores de degradação ambiental que ocorrem na praia do Forte, Peró, Conchas, Ilha do Japonês, esgotos lançados ao canal do Itajuru, peixes mortos e afins? Mostraremos aos turistas praias sujas, com resquícios de "churrasquinhos", areias com vidros, vias sujas e mal cheirosas?
E a questão dos alugueis -ilegais- de casas para ônibus de excursão? Se fossem legalizados haveria arrecadação!
E a questão dos preços absurdos cobrados aos turistas nos quiosques?
E os serviços prestados pela Salineira e 1001?
E o aeroporto, isolado?
O turismo é uma alternativa? Lógico, mas com planejamento, gestão, organização e ações pensadas, estudadas e postas em prática através de meios eficazes e eficientes, não assim, às pressas e no desespero!
Não são crítica, apenas, são sugestões!



Anônimo disse...

Foram eleger esse cara que não tem compromisso mas com a cidade.
A mesma coisa vai acontecer com Iguaba se elegerem Huguinho nessa próxima eleição.