terça-feira, 17 de fevereiro de 2015


#Campeã
Mais uma vez, a Em Cima da Hora desponta, junto com a Flor da Passagem, como as candidatas ao título do carnaval deste ano em Cabo Frio. Uma das duas deve levar o título - o carnaval da primeira está deslumbrante. Vale à pena aguardar.

#Jardim
Um subprefeito e um vereador prometeram ajudar a Acadêmico do Jardim Esperança mas não cumpriram a promessa. Resultado: a escola agora está sem saber o que fazer. Que feio.

#Ajuda
Teve empresário milionário dizendo à escola que não poderia ajudar a agremiação porque "estava passando necessidade". E olha que o pedido foi mínimo. Que coisa.

#Amigos
O cantor Jorge Villas vai dar uma passada na Morada do Samba hoje, a partir das 18h, para fazer um som com os Amigos da Morada - a galera que fica nos barracões montando as escolas o dia inteiro. Será uma boa iniciativa para distrair e relaxar um pouco a tensão de quem luta o dia todo pela sua agremiação. O objetivo é contemplar o pôr-do-sol da Praia do Siqueira, um dos mais bonitos deste país, ao som de boa música.

#União
A União dos Bairros está a todo vapor na conclusão de seu desfile. Leandro Corrêa, Lúcio, Valfredo, Rosa Demarchi, Jorge Ramos e toda a turma não param de trabalhar.

#União II
Aliás, a comissão de frente da União dos Bairros prepara surpresas para a avenida. Aguardem.

#Reclamando
Diretores e presidentes de escolas andam reclamando da falta de atenção da UNIDAS e da Secretaria de Cultura. Eles entendem que seus representantes poderiam estar mais presentes na Morada, especialmente nesta reta final. Fica o recado.

#Visitas
Na quinta-feira, o prefeito Alair Corrêa visita os barracões das escolas. No dia anterior, outro político da cidade quer chegar primeiro para cumprimentar as escolas. Mas o nome eu não revelo por nada.

2 comentários:

Anônimo disse...

Carnaval oficial de Cabo Frio, me refiro as escolas de samba, uma grande bobagem e perda de tempo. Desperdicio de dinheiro publico, que sou ferrenhamente contra pagar subvenções pra isso.
paga-se uma fortuna, para um publico de 100 pessoas na plateia, ninguém se interessa por aquilo. e ate sugiro transformar aquele espaço de morada do samba, em secretarias, ou escolas.

Julio disse...

Essas escolas de Samba de Cabo Frio é um conjunto de pobreza! Tem que aprender muito..............