domingo, 30 de novembro de 2014

Hoje tem Bossa Nova no Santo Samba


Conheça a nova Diretoria da Associação dos Guardas Municipais de Cabo Frio, eleita na última sexta-feira.


Parabéns aos novos diretores da Associação dos Guardas Municipais de Cabo Frio, eleitos na última sexta-feira. Que os companheiros Brito (presidente), Adson (vice), Fabiana, Pedro, Joel, Souto, Tavares, "Sheyenne", Aragonés, Balthazar, Marlon, "Orelinha" e Wellington Marins possam honrar as lutas dos servidores por seus direitos e contra o assédio moral. Estamos juntos. Contem conosco na luta!

Doe sangue!


sábado, 29 de novembro de 2014

EDITORIAL – As Dunas do Peró como símbolo de uma péssima tradição.




A estratégia da mídia governista em tentar tornar as obras nas Dunas do Peró “normais” fazem parte, na verdade, de uma tradição negativa, que perpassa vários governos municipais nos últimos anos.

A Lei Municipal 1968 de 2006, que altera o zoneamento da área, permitindo a obra, aponta para mais uma alteração pontual numa zona da cidade, ao invés da mudança geral no ordenamento municipal, atitude esta que, como discorremos em nosso livro “O outro lado da ponte”, é uma constância na história da administração local.

Funciona da seguinte forma: a partir do momento em que há interesse em edificar uma área, altera-se seu zoneamento, sem mexer no entorno, nem na estrutura organizativa do território da cidade. Não há a preocupação com o contexto zonal do município – apenas com o atendimento do empreendedor num projeto especifico, em área determinada.

Isso leva ao fato, por exemplo, da nossa Lei de Zoneamento ser de 1979 – isso mesmo, anterior mesmo à Constituição, de 1988. De lá para cá, nenhuma reforma estrutural, que pense a cidade como um todo, adaptando sua organização territorial aos novos tempos e ao futuro. Apenas mudanças especificas para atender a projetos de interesse financeiro em áreas determinadas.

Isso leva a, por exemplo, a nova Lei de Zoneamento, que deveria ter sido aprovada junto à Lei Geral do Plano Diretor, em 2006, estar ainda em forma de projeto, o que faz com que nossa cidade siga uma legislação de 35 anos de idade.

E depois não querem que discutamos a cidade que queremos. Muito provavelmente, porque não querem que ninguém queira uma cidade diferente da que eles estão a vender.


Bom dia!
FALTAM 764 DIAS
Para o fim do governo Alair Corrêa.

Obra na Rua dos Biquínis, na Gamboa: Valor é um mistério.

O governo de Cabo Frio é um mistério total. 

E um show de ilegalidades também.

O caso da obra na Rua dos Biquínis (Gamboa Shopping) é um exemplo. Conforme discutimos na semana passada, a reforma consiste na pintura das estruturas metálicas já usadas e na colocação de uma nova cobertura em acrílico, no lugar da anterior, de lona. 



Quanto custa essa pequena reforma aos cofres públicos?

Ninguém sabe. Afinal, contrariando a lei em vigor, a obra traz placa com todas as informações necessárias - menos o valor, exigido em lei.



Dignidade pura.

Questionamento sobre o Kit Escolar da Prefeitura de Cabo Frio, feito pelo nosso blog, vira matéria na Folha dos Lagos.

O questionamento sobre o pagamento e a demora na entrega do Kit Escolar da Prefeitura de Cabo Frio, feito pelo nosso blog, virou matéria na Folha dos Lagos nesta semana.



Relembre nossas postagens sobre o caso clicando aqui e aqui.

Na oportunidade, demos também uma declaração ao jornal sobre nossa opinião acerca do caso:


E aí, vamos resolver?



sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Fim do "Mistério do Semáforo": Sinais não funcionam porque prefeitura não estaria pagando empresa de manutenção.

No dia 25 de novembro, terça-feira, um Guarda Municipal teve de fazer as vezes de técnico e mexer na fiação de um semáforo na Avenida Teixeira e Souza (foto). O sinal, naquele setor, estava avariado por falta de manutenção, como acontece em muitos outros deste município.


Um dos representantes da empresa de manutenção esteve presente no local e revelou: há mais de um ano estaria sem receber da Prefeitura de Cabo Frio pelo serviço de manutenção específica do subsistema da sinalização viária composta de indicações luminosas. Por isso tantos semáforos abandonados, desregulados e apagados pela cidade, trazendo transtorno e risco para o cidadão.



Todas as informações deste fato, incluindo o nome do representante e os dados da empresa; o local exato do semáforo e as demais informações, estão em posse do Guarda Municipal Joel, que efetuou propriamente o reparo e nos informou o fato. Sua postagem na rede social Facebook, sobre o fato, pode ser lida clicando aqui.

É impressionante - mesmo - o descaso do governo com cada ponto da nossa cidade, com o motorista, o pedestre, o contribuinte, o cidadão. Para onde vai essa dinheiro?

Eleição da Associação dos Guardas Municipais acontece hoje.


A Associação dos Guardas Municipais de Cabo Frio realiza hoje sua eleição para a nova diretoria.
A votação ocorre das 8h às 17h, na Base da Guarda, em São Cristóvão.
Todos os Guardas estão aptos a votar.
Participe!

"O outro lado da ponte" (Rafael Peçanha): À venda agora também na Livraria Ler e Ver.



#Nervosismo
Muito interessante observar o nervosismo dos portariados governistas com nosso blog. Sugiro usar o horário de expediente, pago pelo contribuinte, para pensar melhorias na cidade. Que tal?

#Medo
E olha que a nova sessão do blog, “A Cidade que Queremos” ainda nem começou. Vai ter gente precisando de remédio para a pressão.

#Nova
O CREA-RJ marcou nova eleição, depois das confusões ocorridas na última votação. Será dia 16 de dezembro em todo o estado. Defendemos a candidatura oposicionista de Reynaldo Barros.

#Asaerla
Já a Asaerla faz uma eleição bem mais tranqüila neste sábado, na Ogiva. Na chapa única, Luciano Silveira, Sérgio Nogueira, André Lisandro e Diego Mureb.

#Briga
Os governistas Dr. Taylor e Alfredo Gonçalves entraram em rota de colisão. Taylor fez várias acusações graves contra Alfredo e sua Secretaria, a de Esportes, na sessão da Câmara do dia 25. No dia seguinte, Alfredo respondeu dizendo que Taylor terá de se retratar na justiça.


#Briga II
Nada há ali que não seja retaliação interna por disputa dentro do grupo governista. Alfredo recebeu, digamos “mais ajudas” na reta final de sua campanha neste ano do que Taylor, que agora “vai às forras”. Ali também está o balão de ensaio para uma possível candidatura de Alfredo a prefeito, que deverá ser plantada por Alair para pulverizar votos, como o mesmo fez em 2004, lançando Eduardo Kita e Dirlei Pereira, de seu grupo. Do lado de Taylor, há um aceno para a vaga de vice – de qualquer candidato – em 2016.

#Briga III
Deu para entender? Ninguém ali está brigando por causa de corrupção, ética ou defesa da população, mas por espaço interno no grupo governista ou em outro grupo político. Simples assim.

#Anuncia
O governador Pezão (PMDB) quer anunciar os nomes da seu novo secretariado até o dia 15 de dezembro. As conversas têm sido em torno do abrigo aos 21 partidos que o apoiaram na campanha à reeleição.

#Anuncia II
Já a presidenta Dilma, que esboçou um anúncio oficial ontem, ficou no esboço. Deverá sair nesta semana o Ministério completo. Enquanto isso, confirmações informais e especulações.

#Possíveis
Novos nomes surgem no possível Ministério de Dilma: Gilberto Kassab (PSD) está cotado para o Ministério das Cidades. Cid Gomes (PROS) também deverá ser ministro, para segurar seu partido na base aliada.

#Novo
É que o moço anda pensando, junto com seu irmão Ciro Gomes e o Senador Randolfe Rodrigues (PSOL) em fundar uma nova legenda para o país. Haja número.

#Requerendo
O vereador Lorram Silveira enviou requerimento ao prefeito André Granado querendo saber informações sobre o processo de licitação da cobrança de estacionamento na cidade de Búzios. A empresa assumiu os serviços na sexta-feira. Essa eu quero ver. Parabéns a Lorram.

#Maria
Neste sábado, a Tenda Plus, montada no Shopping Plaza Macaé, traz a cantora Maria Rita, a partir das 22h. Seu novo álbum “Coração a Batucar” traz uma nova proposta: o samba “quase ao vivo”, numa gravação de estúdio sem consertos ou reparos de voz. Desafiante.

#Bateu
E o salário dos servidores municipais bateu ontem à noite. Que bom.

#Calendário
Aliás, o calendário de pagamento dos servidores municipais, anunciado em alto e bom som pela mídia portariada governista e pelo próprio governo, acabou virando mais um fracasso. Em cada mês, a atual gestão faz mesmo é como gosta: paga na hora que bem quer, do jeito que bem entende. Com toda dignidade, claro.

#Ganhou
E parece que o deputado Jorge Picciani (PMDB) venceu a queda de braço com Paulo Mello (PMDB) pelo voto dos independentes: o bloco PRB, PCdoB e PR fechou com o ex-presidente da Alerj o apoio à sua volta à cadeira. São 13 votos garantidos com a vaga de Geraldo Pudim para Primeiro Secretário. A família Garotinho esta se mordendo de raiva. Como são as coisas...

#Eleição
E começam as consultas às comunidades para a escolha de diretores das escolas municipais. No dia 9 de dezembro, o Colégio Municipal Rui Barbosa realiza sua votação.


quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Projeto de Lei da Câmara Federal poderá tornar obrigatória a divulgação de dados para reajuste de transporte coletivo.

Projeto da Câmara que torna obrigatória a divulgação dos dados que embasam reajustes e revisões de tarifa de transporte público coletivo está na pauta da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e fiscalização e Controle (CMA), que se reúne na terça-feira (25), às 9h30min.

De autoria do deputado Ivan Valente (PSOL-SP), o PLC 50/123 deve modificar a Política Nacional de Mobilidade Urbana (Lei 12.587/2012) para explicitar a obrigação dos municípios de dar publicidade aos elementos que levaram a reajustes, revisões ordinárias ou revisões extraordinárias das tarifas.

O autor também propõe modificação na lei para estabelecer como direito do usuário do transporte coletivo o acesso, em linguagem acessível e de fácil compreensão, à fundamentação utilizada pelo poder público ao autorizar aumento de tarifa.

O texto tem o apoio do relator, senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP). Após o exame na CMA, o projeto segue para deliberação do Plenário.
 FONTE: Agência Senado.

COMENTÁRIO: O projeto é um claro exemplo da necessidade de se reafirmar legislações, ainda que elas sejam evidentes. A Lei da Transparência e outros instrumentos legislativos já tornam a divulgação de dados dos gastos públicos obrigatória. No caso do município de Cabo Frio, já há lei municipal, de autoria do então vereador Janio Mendes, que obriga a publicidade de dados do tipo. O projeto da Câmara Federal é um passo à frente, e busca democratizar o acesso, o conhecimento e a abertura de uma das maiores caixas pretas nos municípios: a tabela de custos programada em conjunto pelos governos e pelas empresas de transporte coletivo, usada para justificar os reajustes. Um avanço, Torcemos pela aprovação da matéria.

Doe sangue!


Pessoal da Região dos Lagos...

Com a chegada da alta temporada torna-se necessário aumentar o estoque de sangue no Hemolagos, que abastece praticamente toda a Baixada Litorânea. Isso significa nove municípios, e não apenas Cabo Frio como algumas pessoas podem imaginar. Imaginem todas essas cidade com suas populações, no mínimo, dobradas com a chegada dos turistas...

Por isso, endosso esse coro que apela a todos que compareçam ao Hemolagos e pratiquem esse ato de amor. Seja um voluntário do amor. Doe sangue!! 


O Hemolagos fica no Centro de Cabo Frio, Rua Barão do Rio Branco, ao lado do Hospital Santa Isabel.

Ou se você não está na Região dos Lagos, procure o Hemocentro mais próximo.

Desde já agradeço

Rafael Peçanha

Festa de Nossa Senhora das Graças, no Caminho de Búzios, termina hoje, com Missa e procissão.


quarta-feira, 26 de novembro de 2014

EDITORIAL – A complexidade social das Dunas do Peró.


O setor governista favorável ao empreendimento nas Dunas do Peró e comprometido com o empresariado aliado do grupo construtor tenta, de todas as formas, politizar negativamente o movimento de oposição ao projeto, guetificando-o, localizando-o como restrito a apenas um grupo político, cujos interesses seriam muito mais eleitorais (eleitoreiros) do que sociais. Argumentam que há incoerência política na militância e que a população é a favor do que se deseja fazer na APA, por trazer empregos.

A questão é muito mais complexa do que essa análise mal intencionada e rasteira que se tenta fazer. 

Em primeiro lugar, é preciso afirmar que não há incoerência política na crítica ao empreendimento: seja no atual governo ou em governos passados, o movimento compreende que o poder público errou ao permitir a degradação de área ambiental tão importante em troca do empreendimento. Não há diferenças de culpabilidade – todos foram e são culpados, seja por iniciar esse processo, seja por mantê-lo.

Em segundo lugar, a questão do apoio popular é bastante relativa. Uma coisa é o povo gostar do empreendimento por ele possibilitar a oferta de empregos. Outra coisa, é saber se realmente ele vai oferecer empregos – primeiro, porque a tendência da mão de obra do pseudo-resort é demandar uma qualificação ainda não existente de forma maciça na região. Ou seja: se a obra nas Dunas do Peró realmente der empregos, boa parte deles não será para os cabofrienses. 

O possível apoio da população ao Club Med se deve às vantagens que ele diz trazer, como a empregabilidade local. Como 86% do projeto se baseia em loteamentos para especulação imobiliária, e não em um resort, dá para dizer que o apoio popular à vinda do Club Med é aceitável, mas isso não tem nada a ver com as Dunas do Peró – afinal, o que há ali é muito mais um loteamento para vendas de alto padrão. O povo apoia 14% do empreendimento, logo, desconhece ou renega a grande parte. Aparentemente, o projeto sobre as Dunas do Peró constitui um Club Med fantasma ou residual, que, na verdade, mascara e esconde a verdadeira intenção de lotear a área a beira-mar, em busca de um lucro pautado na histórica especulação imobiliária do local. É como aquelas Medidas Provisórias que falam de flores, mas, na verdade, trazem alíneas de artigos que aumentam tarifas.

Assim, há quem seja contra as obras só por esse motivo, mas que até as defenderiam se elas fosse claras com suas compensações ambientais e se não mascarassem uma especulação tão ofensiva. Outros ainda são contra as obras, mesmo que fossem para um resort apenas, sem loteamentos, pelo fato evidente de que haveria degradação em área de APA, sem compensações ambientais suficientes. E ainda há um terceiro grupo que, mesmo com compensações ambientais legais, é contra o empreendimento, seja ele em prol de um resort ou dos especuláveis loteamentos.


Dessa forma, o movimento contra a construção no Peró agrega diferentes posicionamentos, de diferentes pessoas, de diferentes grupos políticos – e até de quem não quer estar em grupo político algum. É o movimento que reúne pessoas que, por motivos diversos, querem preservar a biodiversidade do município. Simples assim. E complexo assim, ao mesmo tempo. Claro que, para algumas cabeças, é difícil aceitar ser real uma articulação assim acima de partidos e grupos, em prol da cidade, até porque a realidade dessas mentes é a contrária – favorável à segmentação grupal na busca das fatias mais gordas pelo loteamento do poder. 

Mas vamos seguindo assim. Porque não é preciso se dar ao trabalho de fazer compreender quem não deseja aceitar.

Bom dia!

#Shopping
No dia 11, o prefeito inaugura as obras do Gamboa Shopping. Está aí uma obra que precisa ser investigada: qual foi o valor gasto? O que tivemos ali foi a manutenção das estruturas de ferragem, apenas com pinturas; e a instalação de uma nova cobertura, que parece ser de acrílico – melhor do que a de lona, anterior – mas de espessura nem tão superior. Quem vive ali todo dia está acompanhando.

#Praças
Aliás, o que tem de praça abandonada na cidade não e brincadeira. Apenas para citar exemplos, as da própria Gamboa, da Vila do Sol, do Guarani e do Braga (em frente à OAB) encontram-se com brinquedos quebrados, oferecendo grandes riscos às crianças. Isso é digno?

#Moloides
O vice Silas Bento disse que nos 5 dias de prefeito (3 úteis apenas) já descobriu quem é o Secretário moloide de quem fala o Alair. Uma pergunta: porque o prefeito e seu vice preferem ofender o cidadão na imprensa a que tomar uma atitude simples de gestores competentes: demitir o funcionário que não produz?

#Livro
Nosso livro O outro lado da Ponte já está à venda na Livraria Ler e Ver, no centro da cidade. Fica a dica para presentear a quem se ama neste Natal com um pouco da história da nossa cidade.

#Amanhã
Amanhã a presidenta Dilma deve anunciar oficialmente seu novo governo, ou, pelo menos, uma boa parte de seus ministros. Quase dez já foram adiantados aqui no nosso blog nos último dias. Vamos ver se acertamos.

#Asaerla

No próximo sábado, dia 29, a Asaerla elege sua nova diretoria. Na chapa única, amigos como Luciano Silveira (presidente); Sérgio Nogueira (vice-presidente); André Lisandro e Diego Mureb. Vamos prestigiar. 
FALTAM 767 DIAS
Para o fim do governo Alair Corrêa.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

EDITORIAL – A cidade que queremos II – O desespero dos despreocupados.


Nosso blog ontem publicou um Editorial de abertura do novo momento dos nossos trabalhos, mais propositivo, dando um passo além das criticas e denúncias que aqui cotidianamente fazemos, a fim de que não apenas apresentemos a desconstrução do processo político que grassa em nossa cidade há muitos anos, por seguidos governos, mas também para que publiquemos nossas ideias para melhorias do município.

Essa atitude, que deveria ser comemorada pelos governistas – já que responderíamos à constante crítica feita por eles de que apenas apontamos, e nada propomos – na verdade foi motivo de comentários agressivos, pessoais, intimidadores e desrespeitosos na rede social facebook.

A atitude mostra o desespero e a falta de preparo técnico e político dos quadros mais baixos e rasteiros do governo municipal, funcionários não apenas de baixíssimo escalão, mas também de baixo calão, em suas palavras e “análises”. Auxiliados por amigos e fakes, preferiram denegrir, acusar, humilhar e atacar não apenas a mim, mas também a pessoas que, espontaneamente, se ergueram em defesa da postagem, do que avançar no debate de ideias, mostrando que se preocupam muito mais com a manutenção de seus serviços pequenos em favor de seu patrão - que certamente ordenou o ataque - do que com o desenvolvimento de Cabo Frio.

Não nos abalamos. Não entraremos nesse jogo sujo e baixo. Não comentaremos contra aqueles que não querem debater, mas apenas ofender. 

O nervosismo estampado nas falas contra uma proposta de fórum permanente e virtual de debate de ideias para a cidade, mostra a despreocupação com nosso município e, como a Raposa de Fedro, um ataque crítico a tudo aquilo que não podem e não conseguem fazer: discutir, projetar, idealizar o melhor para Cabo Frio. 

A eles, sugiro que reflitam sobre o desserviço que promovem à cidade. No tempo que passaram intimidando pessoas nas redes sociais – aliás, em horário de expediente – poderiam e deveriam estar ajudando o prefeito a melhorar nossa terra, que eles dizem ser por eles amada. 

Aos amigos que adentraram no contexto virtual em defesa da nossa postura, meu muito obrigado. Certamente, com vocês, e com toda a população de bem de Cabo Frio, avançaremos na discussão de metas e soluções para o caos em que nos encontramos.  Já aguardo as contribuições de vocês para esse novo momento do nosso trabalho, onde desejamos e iremos, sim, construir, ou ao menos defender a construção, da cidade que queremos.

Bom dia!

Em reunião na OAB, Vereadores se comprometem com Movimento SOS Dunas do Peró a propor revogação de lei municipal que permite as obras.


Às 18h de ontem, no auditório da OAB – Cabo Frio, o Movimento Dunas do Peró aguardou a presença dos vereadores da cidade, que foram convidados pessoalmente, para uma reunião sobre a situação de degradação da área. Apenas os vereadores Adriano Moreno, Fred e um representante de Marcello Corrêa, compareceram ao evento.

Na abertura, o presidente da Ordem, Dr. Eisenhower, desabafou contra aqueles que questionavam a participação da OAB no caso, mostrando um processo de investigação e acompanhamento da instituição desde 2006 e lembrando que os críticos da entidade não estavam presentes na reunião.

Na conversa com o movimento, foi feito um relato completo das tentativas de degradação da área desde 2002 e a situação jurídica na qual se encontra o Campo de Dunas do Peró.

Ao final da análise, foi concluído que havia duas necessidades dentro do caso que poderiam ser solucionadas com a ajuda da Câmara Municipal: a revogação da Lei 1968 de 2006, que torna a área de expansão urbana, em contraste com a Lei Orgânica Municipal, que a determina como de preservação permanente; e a pressão junto ao prefeito da cidade pela não renovação das licenças municipais ao empreendimento, que vencem no próximo dia 27 de dezembro.

Após alguns debates, sugeri, recebendo o apoio dos presentes, que os vereadores apresentassem ao plenário projeto de lei que revogasse a lei 1968; e que enviassem ao prefeito um requerimento ou ofício solicitando a não renovação das licenças municipais. O engenheiro Juarez Lopes sugeriu que fosse solicitado à Câmara o processo de tramitação da Lei 1968 para estudo; e a quarta proposta, levantada pelo vereador Adriano e formulada pelo biólogo Roberto Noronha, foi a de que o Movimento Ecoar solicitasse ao Poder Legislativo o uso da Tribuna Livre para apresentação das demandas do caso numa das sessões da Câmara.

As quatro propostas foram aprovadas, apesar do envio de ofício ou requerimento não ter ficado claro como forma de pressão junto ao poder Executivo pela não renovação das licenças. Entretanto, os vereadores presentes se comprometeram em se reunir com os demais legisladores e apresentarem o pedido de revogação da Lei 1968 de 2006, bem como assumiram o compromisso de pressionar o governo municipal em relação às licenças.


Hoje temos sessão na Câmara Municipal. Esperamos que os primeiros passos desse compromisso público sejam dados já.

Mais uma derrota do governo: Justiça decide que greve dos servidores de Cabo Frio foi legal.

Em maio deste ano, a Prefeitura de Cabo Frio pediu a ilegalidade da greve dos servidores, realizada em 2 de junho, no Tribunal de Justiça. Ontem, dia 24 de novembro, o TJ decidiu em favor dos servidores, declarando a greve legal. Por unanimidade.

O caso mostra, mais uma vez, a intenção declarada e evidente do governo em calar e intimidar o servidor municipal, que se organiza e briga pelos seus direitos, negados e ameaçados cotidianamente pela atual gestão.

Por outro lado, mostra mais uma vez um poder frágil, que, ao se deparar com a justiça, encara sucessivas derrotas, por um simples motivo: os servidores estão a favor da lei. O governo, nem sempre.

Fica assim. Mais uma vitória. E a prefeitura já está virando freguesa do trabalhador nesse campeonato jurídico.

Viva a legalidade. Viva a democracia.



#Guarda
A Associação dos Guardas Municipais de Cabo Frio realiza eleição para sua nova diretoria no próximo dia 28. A votação acontece até as 17h, na Base da Guarda, em São Cristóvão. Todos os Guardas podem votar.

#Guarda II
Por enquanto, apenas o companheiro Brito apresentou chapa para a disputa. Vamos acompanhar. Parabéns à Associação, que se mobilizou em importantes lutas neste ano, especialmente, na mobilização de Primeiro de Maio. Pedimos a todos os Guardas que compareçam e votem. A participação de todos é fundamental para a democracia na nossa cidade.

#Valeu
Agradeço pelas fotos postadas como “contribuição” ao “debate” por portariados governistas, na nossa postagem de ontem sobre A Cidade que Queremos. Algumas eu não tinha em meu arquivo pessoal. As guardei com todo o carinho. É sempre bom ter fotógrafos de plantão para ajudar a gente.

#Fora
A OAB foi excluída do Conselho Municipal de Transportes. Sabe por quê? Perguntem ao prefeito.

#Paco
A Paco Editorial gostou da exposição do nosso livro, feito em parceria com a Editora, na mídia da cidade. Nossa obra foi matéria de postagem do perfil oficial da empresa. Para acompanhar, clique aqui.

#Cassado
O prefeito de Arraial do Cabo Andinho (PMDB), e o vice, Reginaldo (PT), foram novamente cassados ontem pelo TRE-RJ. A acusação é de abuso de poder político, confirmando decisão da juíza da 146ª Zona Eleitoral em julho deste ano. O Tribunal entendeu que o prefeito praticou a irregularidade ao entregar, em 2012, certidões e carnês de IPTU a moradores de bairros carentes. A Corte manteve ainda a inelegibilidade do prefeito por oito anos. Cabe recurso para a dupla, claro.

#Clipe
O cantor Azul Casu lança mais um clipe na internet: Bença Cafeinada. O lançamento acontece amanhã e a música homenageia sua vó, Dona Carolina, e seu café, que virou um mito entre amigos e conhecidos. Parabéns.


#Nomes
No Governo Dilma, Miriam Belchior vai assumir a pasta de Minas e Energia. Miguel Rossetto vai para a Secretaria-Geral da presidência e Carlos Guedes assume o Desenvolvimento Agrário. Os nomes, mais ligados ao PT, são tentativas de acalmar os ânimos da militância pela escolha da Senadora ruralista Katia Abreu para o Ministério da Agricultura – com apadrinhamento do PMDB de Michel Temer, claro.

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

EDITORIAL - A Cidade que Queremos.


A partir desta semana, nosso blog entra numa nova fase, na qual será mantido o estilo aguerrido, crítico e fiscalizador que notabilizou esta ferramenta de informação, recebendo, entretanto, um plus: propostas, sugestões e possibilidades de melhoria para cidade de Cabo Frio.

Até agora, nosso trabalho tem sido parcial, ao apontar erros, falhas e ilegalidades; e ao denunciar esquemas, desvios e sinais de corrupção na administração do município. Para tornar a missão mais completa e construtiva, iremos agora, além de tudo isso, publicar para os leitores e seguidores nossos projetos e ideias para, a partir do cenário caótico no qual Cabo Frio se encontra, reconstruir a cidade pelas mãos e pela voz de quem mais se interessa por ela: o seu povo.

As sugestões que aqui serão lançadas estão longe de serem tratadas como definitivas, infalíveis ou inquestionáveis. Ao contrário - elas estarão presentes, exatamente, para serem criticadas, debatidas, discordadas, melhoradas, como uma simples fagulha lançada em grande floresta de frutos diversos, na qual a democracia direta e opinativa do cidadão é o adubo mais salutar e rico em energia.

Esperamos que nossas novas provocações agradem os bem intencionados e permaneçam a causar temor nas condutas despreparadas de quem não deseja ver a cidade crescer, por se aproveitarem dela apenas em benefício próprio.

Bom dia! 


#Hoje
Hoje o Movimento Ecoar, o Movimento SOS Dunas do Peró, e a OAB - Cabo Frio se reúnem na sede da OAB às 18h. O objetivo é traçar os novos passos da mobilização popular que busca salvar as Dunas do Peró da degradação.

#Festival
Muito bom o Festival de Petiscos de Frutos do Mar na Gamboa. Parabéns aos organizadores, às Mulheres Trabalhadoras da Pesca e à APEAG.

#Passagem
O samba de nossa composição com outros parceiros ficou em segundo lugar na disputa do G.R.E.S. Flor da Passagem para o carnaval 2015. Parabenizamos os vencedores Baiano e Felicelsso. E agradecemos aos amigos que fizeram uma verdadeira festa ao prestigiar o evento. Viva a cultura popular de Cabo Frio.

#Voltou
O Vasco da Gama voltou à primeira divisão de forma melancólica: com um empate contra o ICASA, em casa, que quase virou derrota nos últimos minutos. Se não mudar quase tudo, volta à Série B ano que vem.

#Desceu
Já o Botafogo precisa de mais do que um milagre para não cair, e joga a próxima partida com 99% de chances de ser rebaixado. Tchau.

#Macaé
O Macaé, diferente da Cabofriense, foi vitorioso neste ano – sagrou-se campeão da Série C do Brasileirão ao empatar com o poderoso Paysandu fora de casa, contra milhares de torcedores. O time do interior fluminense joga a Série B no ano que vem.

#Voltou II
O deputado estadual Janio Mendes voltou à rotina política após alguns dias de descanso. O moço está às voltas com as articulações de composição do governo do estado para 2015 e para a mesa diretora da assembléia legislativa.

#Cargos
Enquanto Felipe Peixoto (PDT) alinha cada vez mais seu caminho para se tornar Secretário Estadual de Meio Ambiente, Paulo Mello (PMDB) consolida sua reeleição para a presidência da Alerj. Depois de negar indicação para o TCE-RJ, o deputado de Saquarema agora avança sobre os partidos independentes e de oposição na Casa para vencer a disputa com Picciani, também do PMDB. Dentro da bancada governista, os dois estão em “empate técnico”, digamos.

#Tranquilo

Quando perguntado sobre 2016, Janio diz apenas que “seguirá seu caminho natural”. Vai saber o que isso quer dizer. O fato é que tem muita gente animada com o futuro próximo do deputado, único eleito da cidade e que elegeu todos os candidatos que apoiou. É esperar para ver.

Em tramitação no Senado Federal. Nosso Blog defende o projeto.

Agentes Comunitarios de Saúde realizam assembleia.

OS ACS's e AES's realizaram assembleia no último dia 18 de novembro. Eles ainda lutam pelo cumprimento da promessa da prefeitura de Cabo Frio em favor da regulamentação funcional de suas profissões. Nosso blog acompanha o imbróglio desde o ano passado (clique aqui para relembrar o caso).

Dentre as conclusões do encontro, os Agentes elegeram novos diretores do Sindsprev/RJ; entregaram termo de responsabilidade à prefeitura de Cabo Frio; e receberam certificados de conclusão do curso introdutório, conforme lei 11.350/2006, para finalização do processo de regularização funcional.

Agora falta muito pouco. Parabéns aos bravos e destemidos servidores pela luta e pela organização.

Festa de Nossa Senhora das Graças, no Caminho de Búzios, começa hoje.



domingo, 23 de novembro de 2014



#CREA
A eleição do CREA nesta semana deu uma confusão danada. Há quem diga que ela será anulada. Tudo porque a oposição veio com força.

#Grana
A prefeitura está fazendo mesmo de tudo para sugar o bolso do cidadão. Depois da Taxa de Coleta de Lixo, ainda em estudo pela Câmara e “esfriada”depois da mobilização da população, agora surge a “Taxa Defunto” – quase 300 reais. Nem morto.

#Discurso
Na sessão de terça-feira, o deputado Janio Mendes criticou o empreendimento nas Dunas do Peró e se comprometeu em apoiar o movimento. Muito bom.

#Ciclovias
Cabo Frio precisa mesmo investir em ciclovias de verdade. O tabelião Flávio Rosa é um estudioso do tema e afirma que a cidade já tem traçado como se elas estivessem “prontas”: basta investir e interligá-las, dando a elas a estrutura necessária. É isso aí.

#Saindo
A Fiat está dando adeus a Cabo Frio e indo para São Pedro da Aldeia, onde a prefeitura dá incentivos para as grandes empresas se instalarem. Que coisa.

#Fora
A ala do PMDB que quer Picciani presidente da Alerj e forte para indicar  o sucessor de Paes em 2016 quer porque quer Paulo Melo indicado para o Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ). O moço de Saquarema, que já quis o cargo, agora rechaça completamente a indicação – quer brigar pela presidência da Casa.

#Esquecimento

Em entrevista à InterTV, o pessoal da prefeitura de Cabo Frio falou sobre o choque de ordem” do meio ambiente para o próximo verão. Todas as praias do 1º distrito foram citadas. Mas as de Tamoios, claro, foram “esquecidas”. É a questão da “Praia dos Fracos” ainda, prefeito?