ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

quarta-feira, 1 de outubro de 2014


#Sinais
A movimentação de candidatos a deputado e vereadores da cidade, na direção do embate e da indisposição com o governo municipal, aponta para a antecipação de um processo que só deveria começar no final do ano que vem: a debandada de uma boa parte da base governista para a oposição.

#Sinais II
Alguns vereadores têm crescido o tom das críticas ao governo municipal na tribuna, enquanto um certo candidato a deputado estadual, governista, teoricamente, até a alma, falou mal categoricamente da gestão municipal em reunião na Gamboa nesta semana. Se disse, inclusive, arrependido em estar do lado do governante da cidade. Outro, também candidato a estadual, não faz outra coisa que não seja falar mal do prefeito, embora ocupe cargo próximo – muito próximo mesmo – ao dele.

#Sinais III
Esses políticos,que, bem ou mal, possuem leitura política, sabem que alguma rejeições populares são impossíveis de serem consertadas, mesmo em dois anos, e que os interesses, grupos, pessoas e objetivos que regem e motivam essa rejeição não serão alterados nesse prazo. Então, pular do barco é simplesmente questão de sobrevivência.

#Acolhida
A oposição, claro, como manda a boa democracia, está de braços abertos para receber quem quer que seja e que deseje marchar contra o que acontece na cidade. Lembrando, é claro, que, como em qualquer grupo, o espaço e a posição ocupadas são diretamente proporcionais ao tempo e ao mérito dedicados. Não dá para sentar na janela. Mas também não dá para ficar de fora do ônibus.

#Acolhida II
O abraço do prefeito às candidaturas de Alfredo Gonçalves e Dr. Paulo César mostra isso. Ali, o objetivo é eliminar, com eles, duas possíveis candidaturas à prefeitura em 2016, o que, certamente, está no bolo do acordo. O problema é que o resto fica abandonado. Destes, os que não têm experiência política, acham que está tudo bem. Mas os experientes entenderam o recado. E estão saindo de fininho. 

#Acolhida III
Dr. Taylor e Silas, especialmente, são os mais atingidos por essa postura governista. Perdem espaço, investimentos e apoios, e, embora estejam longe das minhas preferências políticas (na verdade, estão opostos a elas), possuem uma margem de votos que pode atrapalhar muito a vida do governante nos próximos anos. A não ser claro, que até lá tudo fique bem entre eles - o que não acredito.

#Resultados
Alguns resultados, no dia 5 de outubro, darão recados objetivos ao eleitor da cidade. Uma candidatura a deputado federal que será mal votada no município mostrará que o poder financeiro não é tudo. Outra derrotada, a estadual, mostrará que quem vai com muita sede ao pote e acha que tem um tamanho político maior do que o que realmente tem, acaba morrendo de sede e caindo do cavalo que nunca foi seu. Dia 6 a gente explica.

#Reconhecimento
O prefeito na entrevista coletiva ontem só falava das redes sociais e da internet, assim como o vereador Celso Campista na tribuna da Câmara. O sistema político reconhece a força dessas ferramentas, que se tornam cada vez mais decisivas, como aconteceu agora com o caso do fim do ensino médio em Cabo Frio.

#Comoção
Aliás, a sessão de ontem na Câmara Municipal foi um show à parte. Todos os vereadores que falavam, praticamente, se nomearam como partícipes da causa. Uns disseram que já votariam contra qualquer pedido de fim do ensino médio na cidade. Outros, disseram que tentaram ligar para o prefeito a semana toda sem sucesso. O assunto? Pedir que fosse cancelado tal absurdo, claro. Que lindo.

#Coragem
Se estivessem tão dedicados ao tema assim, teriam ido às escolas de ensino médio conversar e se comprometer com as comunidades escolares. Pronto, falei.

#Raiva
A raiva que o prefeito sente por este blog e pela imprensa que o critica, como o jornal Folha dos Lagos, ficou evidente na coletiva de ontem. Receber o destrato de um governo que joga contra seu povo, para nós, é um elogio e um reconhecimento de que estamos do lado do certo. Afinal, enquanto eu caminhar na calçada contrária à do prefeito, saberei que estou andando em companhia da democracia.

#Atenção
Veremos ao menos dois candidatos com um forte sistema de compra de votos na véspera e no dia da eleição. Aguardem.

#Tocando
Os candidatos da cidade seguem tocando suas campanhas na reta final. O deputado Janio (PDT) realizou grande reunião ontem em Búzios e Marquinho Mendes (PMDB) fez caminhada no centro da cidade. Hoje, Marquinho faz carreata em São Pedro da Aldeia, enquanto Janio faz reuniões à noite no Jardim Esperança, Jardim Caiçara e Jacaré.

#Foto
Falando em Marquinho, como prometido aos governistas, aqui vai mais uma versão popular do ex-prefeito em campanha nas ruas – desta vez, fazendo tapioca na feira. Gostou?

#Batendo
Janio não fez por menos e atacou de boxeador no Tangará. Mas a cena é mesmo para brincar - o candidato tem investido numa campanha leve e sem ataques, consolidando uma proposta baseada na cultura de paz.

#Diferença
Os candidatos governistas mal podem ir às ruas. São alvos de reclamações, críticas e cobranças que impedem qualquer interação com o povão. Está aí a diferença.

#Debate
O debate de ontem entre os candidatos ao governo do estado na Globo serviu apenas para manter a aceitação de Pezão (PMDB) e dar mais pontos para Tarcísio (PSOL). O peemedebista manteve a estratégia de não reagir aos ataques, embora tenha provocado Garotinho, Crivella e Lindberg por suas atuações no Congresso Nacional. A ideia era manter a linha leve e serena que ganhou votos na propaganda televisiva. E Tarcísio se saiu muito bem mesmo.

#Resultado
Essa construção de imagem no xadrez eleitoral fluminense gerou resultados. A última pesquisa Ibope para o governo do estado coloca Pezão com 31%, Garotinho com 24%, Crivella com 16% e Lindberg com 9%. No segundo turno, Pezão e Crivella venceriam Garotinho – o governador, com 15 pontos a mais: 46% a 31%. Pezão também venceria Crivella: 43% a 32%.

#Resultado II
Pela GERP, Pezão bate 25%, enquanto Crivella e Garotinho estão empatados com 20%. A cúpula do PMDB no Rio já se reúne e se prepara para a hipótese de um segundo turno entre o governador e Crivella, cenário mais complicado que o tranquilo confronto com Garotinho, que bateu 40% de rejeição nessa pesquisa.

#Resultado III
No Datafolha, para presidente, Dilma (PT) bateu 40%; Marina (PSB) 25% E Aécio (PSDB) 20%. Para o Ibope, pouca diferença: 39%, 25% e 19%, respectivamente.

#Resultado IV
Para Senador, o Ibope bateu 49% para Romário (PSB) e 18% para César Maia (DEM).

#Calote
Falando no baixinho, a notícia do calote que ele deu na campanha em Cabo Frio saiu na coluna da Berenice Seara, do Jornal Extra (leia aqui). 

#Lembrete
Algumas pessoas têm reclamado da não publicação de comentários no blog. Qualquer comentário que cite nominalmente outra pessoa, fazendo acusações sem provas, não será publicado. Ou o comentador apresenta as provas ou omite o nome. Simples.

#Lembrete II
O Hospital que o governo tenta chamar de Hospital Geral do Jardim Esperança, na verdade, chama-se Otime Cardoso dos Santos. Só para lembrar.


4 comentários:

Julio disse...

Rafael? Mão vai responder presente? Tia da esperando. Ninguém me contou e nem eu vi ainda, mas aula hoje é de quê? Regra de três? Simples ou composta?

Jullio disse...

É ex-prefeito Marquinho vai mexendo mesmo, porque o mundo esotérico não te favorece. Segundo a bola de cristal, quem nasceu para se refrescar da brisa da praia, não vai chegar na umidade de Brasilia. Ou seja, vai se eleger, não!

Julio disse...

Ah, eu gostei mais quando o ex-prefeito Marquinho, foi hairstylist( é mais chique. Cabeleireiro é para pobre)) por um dia teve a foto divulgada nas colunas sociais dos tabloides Alairzistas. Fazendo escovinha no deputado Jânio Mendes foi um must.

Anônimo disse...

Engraçado...?!?!?!... Como alguns antes tão pró prefeito soberano e digníssimo (e muita gente mesmo) estão com Marquinhos para Deputado Federal, mas ué, pois, o que houve? hehehe...
Será agora o princípio de algo no futuro?
Contagem regressiva!!!!