ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Novas pesquisas para a presidência da república.

Nova pesquisa do Instituto Datafolha com intenções de voto para a Presidência da República será divulgada hoje ou amanhã no Jornal Nacional.

Também uma nova pesquisa do Ibope, encomendada pela CNI, será noticiada nesta quinta-feira, às 11h. 

Na terça-feira que vem, o Ibope fará mais uma pesquisa, encomendada pela Rede Globo.

Segundo jornalistas, as pesquisas do Datafolha, a ser divulgada hoje; e a do Ibope, de quinta, não apontarão muitas novidades em relação à pesquisa de ontem publicada pela CNT/MDA.

Nela, Dilma (PT) aparece com 38,1% das intenções de voto e Marina (PSB) 33,5%, com o terceiro lugar para Aécio (PSDB): 14,7%. Comparando esta pesquisa com a realizada pelo mesmo instituto no dia 27 de agosto, Dilma subiu 3,9%, Marina 5,3% e Aécio caiu 1,3%. O número de indecisos foi reduzido quase à metade:  de 10,4% para 5,7%. Brancos e nulos caíram de 8,7% para 5,9%.

No segundo turno, Dilma teria 42,7% e Marina 45,5%. 

Porém, 49% dos eleitores acreditam que Dilma vencerá as eleições, enquanto apenas 34,9% creem na vitória de Marina.

Além disso, a popularidade de Dilma cresceu. O governo possuía avaliação positiva para 33,1% dos entrevistados na pesquisa anterior - agora são 37,5%. A opinião de que o governo é ótimo subiu de 6,8% para 7,7%. A avaliação boa passou de 26,3% para 29,8%, e a regular de 37,4% para 39%. Enquanto isso, a avaliação negativa caiu de 28,8% para 23%; a ruim de 11,8% para 10,8%, e a péssima, de 17% para 12,2%. A aprovação pessoal da presidenta também melhorou, de 47,4% para 52,4%, enquanto os que a desaprovam caíram de 47,4% para 42,9%.

No Rio, Dilma subiu de 32% para 37%. Marina, que tinha 38%, caiu para 34%, assim como Aécio, que desceu de 11% para 9%. Em São Paulo, porém, Marina segue vencendo, embora tenha caído um ponto percentual: tem 39% contra 25% de Dilma.


Nenhum comentário: