ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

terça-feira, 30 de setembro de 2014

EDITORIAL - Está chegando a hora.


Aproxima-se o momento de decisão do voto, no dia 5 de outubro. No estado do Rio, ainda cerca de 60% dos eleitores não decidiram em quem votar para deputado estadual e federal, embora este número se reduza bastante no interior, onde a proximidade entre votante e votado é igualmente menor.

Cabo Frio é uma cidade de 200 mil habitantes e aproximadamente 100 mil votos válidos. Seria um absurdo virarmos o ano para 2015 sem representantes na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal.

Em todas as pesquisas, a Região dos Lagos (Araruama, São Pedro, Búzios, Iguaba, Arraial do Cabo, Cabo Frio) aponta poucos candidatos com chances reais de eleição. Para deputado estadual, o cabofriense Janio Mendes (PDT) e a candidata de Araruama Márcia Jeovani (PR) são os únicos com possibilidades de entrar. Para federal, Marquinho Mendes (PMDB) em Cabo Frio desponta como único nome entre possíveis eleitos nas abordagens.

O voto útil, isto é, o voto estratégico em nomes que possam ser eleitos, é uma opção sempre livre do eleitor, que escolhe votar em quem quiser. Mas fica a dica - pensar no coletivo, na região, no atendimento das nossas demandas, pode ser um fator decisivo na hora do seu voto. E ainda pode se tornar uma grande ferramenta de pressão para que os possíveis deputados eleitos pela região cumpram seus compromissos de lutar por ela.

É bom fazer a relação entre votar primeiro para cobrar - e muito - depois. Isso a gente apoia.

Bom dia!



3 comentários:

Julio disse...

Está chegando a hora do grande momento democrático, o qual SOMOS OBRIGADOS A VOTAR. Quer hipocrisia pior que essa? Isso é Brazillllllll!

Pra mim, devido a obrigatoriedade e o momento tenebroso que nos espera, me sinto dirigindo a um muro de fuzilamento e não a uma Zona eleitoral. Porque só falta isso, caso não compareça as urnas.

Mas até agora não tenho opção em quem votar e nem sei que são merecedores de me dirigir a uma urna e apertar as teclas. A certeza que tenho, e que não votarei em nenhum candidato "apoiado" pelo prefeito. Será o fim!


Caso fique nublado, que é o "cenário" mais propicio para que libertem os vampiros, eu vou. Se fizer sol vou pensar duas - prefiro as sombras - eu sou soturno - Cabo Frio é a minha verdadeira caverna.

Se a gente fosse cobrar, em quem a gente vota, putz grilo, teria que contratar uma firma de cobranças. Mas até parece que dependo só do nosso voto. A gente cobrando e a zaga do Flamengo falhando é a mesma coisa.

Até amanhã!

Anônimo disse...

Uma mosca de restaurante, ouviu que os candidatos apoiados pelo prefeito estão montando um esquema para compras de votos, através de placas em casas e promovendo cervejadas nos bares da periferia de Cabo Frio, principalmente um candidato a deputado estadual que o prefeito quer vê-lo muito longe da cidade, lembramos Marcos Mendes, assim fica difícil qualquer candidato de oposição conseguir ganhar eleição na cidade, é uma concorrência desleal, porque grana a turma do prefeito tem muita, enquanto o candidato da oposição gasta sola de sapato, os candidatos da situação gastam muita grana.

Julio disse...

Anônimo do dia 30/09 das 11:39, essa mosca que ouviu essa disse-me-disse, no restaurante foi uma mosca varejeira, mosca domestica ou "mosca de esquina"?