ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

EDITORIAL – Tudo é político.


O pensador Emanuel Mounier é autor de uma famosa frase que tem servido de mantra para minhas reflexões e atuações: “tudo é político, ainda que o político não seja tudo”. A fala encontrava-se escrita à mão, na parede da pobre residência de pau a pique do Bispo Dom Pedro Casaldáliga, no Alto Xingu.

A idéia da frase refere-se ao fato de que as relações políticas, no que tange à disputa de forças e às articulações entre grupos e propostas, encontram-se presentes nos mais diversos setores da vida social – e não apenas no ambiente partidário ou das instituições de gestão da coisa pública.

Independente da opção por um time de futebol, o que acontece nas eleições do Vasco da Gama é exatamente isso. Disposto a retornar ao poder, Eurico Miranda associou-se a outro candidato à presidência do clube, Roberto Monteiro, instaurando o escândalo que ficou conhecido como Mensalão Vascaíno – a filiação em massa de sócios ligados à dupla através de um método, digamos, pouco ético. Eurico possui a força dos beneméritos do clube; Roberto, de sua principal torcida organizada.

A reunião de forças em torno da sede de poder, utilizando tal sistema, reflete bem a realidade da política partidária que temos em relação a alguns grupos no país, na qual, por vezes, o interesse público é colocado de lado em prol dos métodos e ações nas quais a ética torna-se apenas uma palavra sem sentido.

É assim.


Bom dia!

2 comentários:

Julio disse...

Em Cabo Frio praticamente tudo é politico.

Anônimo disse...

Esse pensador, é claro que se inspirou no vice prefeito .É melhor não parar para pensar. .POIS ATÉ PODE SER VERDADE MESMO ,Vai ser ótimo para o prefeito se ele ganhar. Néh!