ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

AQUELE ABRAÇO!


Aquele abraço hoje para o músico Celso, o “Saculeja”, grande talento da nossa cidade, que faz aniversário hoje. E um abraço atrasado também para o médico Roberto Pillar, que na segunda-feira completou mais uma primavera.

Um comentário:

Julio disse...

E por falar em aniversário, pior coisa no mundo é: quando você faz aniversário, agradece mais um ano de vida, todo feliz, já passou dos 25(depois dessa data, esqueci a contagem), encontra um amigo ou colega pobre sem classe e antes de te desejar um belo Feliz Aniversário, pergunta: "Quantos anos?" Ai você responde. Ele manda: "tá ficando velho, hein?" Em alto e bom som - Ainda te enche de tapinhas no ombro. Ai começa fazer um vale a pena ver de novo de toda a trajetória da amizade de suas vidas. De comemoração de aniversário, se sua autoestima, não tiver lá em cima, para suicídio e um pulo. Que mania que pobre tem te colocar pra baixo. Por isso, quando eu estou feliz, fujo dos pobres sem classe ou sem noção. Adora te puxar pra baixo. Te puxam, lá pro fundo. Só encontrar um pobre sem classe e sem noção que sua felicidade vai..
Agora rico ou pobre quando tem classe e categoria apenas te deseja: Feliz Aniversário, muitos anos de vida e seja muito feliz. Pronto, pra que dá uma de revistinhas de fofocas brasileiras de R$1,99 e especular e fazer flashback? Lembranças são boas, mas tem hora e dia.


Uma pessoa quando nasce no dia 29 de fevereiro é registrada como nascida em 28 de fevereiro, correto? Agora o Dr. Roberto Pillar que fez aniversário segunda-feira, dia 18 de agosto e receber um aquele abraço, na quarta-feira, dia 20 de agosto, só com Rafael mesmo. Lembrou quando?
Rafael quando é o seu aniversário? Vou te dar uma agenda de presente. Ou prefere trabalhar na prefeitura?
Não tem justificativa pela "pontualidade cabofriense" no abraço ao médico Dr. Roberto?