sábado, 5 de julho de 2014

EXCLUSIVO - PDT não faz mais parte da coligação de apoio a Pezão (PMDB). Novo vice será Francisco Dornelles.


Poucas horas antes do encerramento do prazo para registro de candidaturas e coligações para as eleições deste ano, o PDT deixou oficialmente a base de apoio à reeleição do Governador Pezão (PMDB). Como o presidente do partido, Carlos Lupi, não abriu mão de sua candidatura ao Senado para enfrentar o lançamento de César Maia (DEM) pela situação, Felipe Peixoto (PDT) foi substituído oficialmente pelo Senador Francisco Dorneles (PP) na chapa governista.

Com a saída, o PDT encontra-se com sua direção estadual reunida a portas fechadas neste momento, na sede do partido, no centro do Rio de Janeiro, para decidir qual rumo tomar nas eleições deste ano. O prazo final se encerra às 19h de hoje.

Nenhum comentário: