domingo, 1 de junho de 2014

DEU NO FACE DO PREFEITO – Suspensão do Cartão Dignidade “é culpa dos empresários”.

O prefeito de Cabo Frio bloqueia seus adversários políticos na principal rede social do mundo virtual, para que eles não analisem suas posturas em relação a alguns assuntos. Mas a população anda atenta, e a notícia sempre chega onde tem de chegar.

A última diz respeito à estranha – estranha mesmo – explicação do governante do município sobre a suspensão do revolucionário programa Cartão Dignidade, que nada mais é do que uma cópia do Cartão Cidadão, do governo anterior.

Vamos observar:



Que coisa, não?

E você, empresário, cidadão, contribuinte, concorda com essa “explicação”?

E-mails para o blog!


16 comentários:

Anônimo disse...

Já que estamos vivendo o momento "piada da hora", poderíamos pensar em chamar a turma do CQC para visitar esse cidadão piadista...só pode ser piada, Rafael...então o cartão só pode ser usado por quem não trabalha pra nenhum empresário, ou seja, o direito não é do cidadão, mas sim do cidadão que ele quer que tenha...não é por acaso que ele foi chamado de visionário pelo próprio filho...a cada hora ele tem uma visão diferente e sempre confirmando o que muitos já sabiam...o telhado peludo está ajudando na perda dos últimos neurônios capengas...parabéns pra quem é pobre e votou nele...quem tem um amigo desse, não precisa de inimigo.

Anônimo disse...

O povo gostaaaaaaaaaa! Ainda concordam com a desculpa esfarrapada e imploram para abrir exceções.
Pelo amor de Deus, quando será que o povo de Cabo Frio vai abrir os olhos de verdade e enxergar o caos que estamos vivendo por aqui? A saúde está em ESTADO VEGETATIVO na UTI, mas como a saúde não tem nem Bezentacil nas emergências, logo a saúde vai ter morte cerebral na UTI por falta de manutenção nos aparelhos que a mantém em estado de coma. A Educação idem, precisou ser internada e está em um leito na UTI bem ao lado do leito da saúde. Sem falar na segurança, limpeza, etc. Por falar em segurança, onde andam os guardas municipais efetivos de Cabo Frio? O sumiço deles não é de agora não, já faz tempo que estão sabe Deus onde. Nem Patrimônio tem guarda municipal mais, há muito tempo. Estão reivindicando horas extras, mais isso e aquilo, e estão sumidos das ruas faz muito tempo.Gostaria muito de saber por onde eles trabalham, porque nas ruas não estão, em Patrimônios também não estão...É um grande MISTÉRIO!

Anônimo disse...

A Dignidade acabou!!!!

Anônimo disse...

NUNCA HOUVE DIGNIDADE CADÊ OS BANHEIROS.

Anônimo disse...

Existe dignidade sem coleta de lixo. tudo isso é Balela.
Ridículo.

Anônimo disse...

Existe dignidade sem coleta de lixo?
Existe dignidade sem papel higiênico?
Existe dignidade sem algodão e seringas em posto de saúde?

então!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Conheço várias pessoas que estão reclamando do mesmo problema. que coisa? uma vergonha. Dizem que é vinte reais para revalidar, será que isso é verdade?

Anônimo disse...

EU TIVE MEU CARTÃO TAMBÉM BLOQUEADO. NA SUBPREFEITURA DE CABO FRIO ME INFORMARÃO QUE ISSO SÓ É FEITO EM CABO FRIO E QUE CUSTA 20 REAIS, SE COLOCAR O VALOR DA PASSAGEM DE IDA E VOLTA QUE É MAIS 20 REAIS, FICA EM QUARENTA REAIS. DIGNIDADE, QUE DIGNIDADE É ESSA. VERGONHA.

Anônimo disse...

Não há nada tão ruim que não possa piorar...as justificativas desse cidadão comprovam a afirmativa...mais um que merece o título de "poeta", sempre que se mantém calado.

Julio disse...

Já escrevi três comentários referentes: a explicação do prefeito para suspensão do Cartão Dignidade/Serviço RUINDADE e Deletei. Pela primeira vez estou na duvida sobre a retirada ou não desse "passaporte", para o descaso via desrespeito. Só Jesus na causa e sabão em pó e cloro nas roupas.
Mas caso, esteja acontecendo o que o prefeito postou sobre um "quesito" de empregabilidade" na cidade ele como prefeito deveria denunciar esse caso no Ministério do Trabalho e não suspender a retirada do cartão.

Anônimo disse...

Absurdo... o patrão paga a gente quanto quer e acha que temos obrigação de ter o cartão....

Anônimo disse...

A culpa é de tudo e de todos .menis dele? É um fanfarrão mesmo

Anônimo disse...

Rafael, bom dia.
A situação é + simples do que o nosso "visionário" prefeito pensa. Ele sabe, quais são às empresas, que se utilizam através do Cartão Dignidade, envia 1 Ofício ao Ministério do Trabalho, colocando os nomes/cnpj desta empresa, solicitando fiscalização nelas. O restante é "visão".

Julio disse...

Vocês sabem onde retira outro cartão Dignidade/Serviço Ruindade ou o escolar e paga os R$20,00? Sabe onde? Usem as suas imaginações.

Anônimo disse...

Princípio da dignidade da pessoa humana (http://pt.wikipedia.org/wiki/Princ%C3%ADpio_da_dignidade_da_pessoa_humana)

O "Princípio da dignidade da pessoa humana" é um valor moral e espiritual inerente à pessoa, ou seja, todo ser humano é dotado desse preceito, e tal constitui o princípio máximo do estado democrático de direito.

Está elencado no rol de direitos fundamentais da Constituição Brasileira de 1988.

Ganhou a sua formulação clássica por Immanuel Kant, na "Fundamentação da Metafísica dos Costumes" (título original em alemão: "Grundlegung zur Metaphysik der Sitten", de 1785), que defendia que as pessoas deveriam ser tratadas como um fim em si mesmas, e não como um meio (objetos),1 2 e que assim formulou tal princípio: "No reino dos fins, tudo tem ou um preço ou uma dignidade. Quando uma coisa tem preço, pode ser substituída por algo equivalente; por outro lado, a coisa que se acha acima de todo preço, e por isso não admite qualquer equivalência, compreende uma dignidade."3

O rol da dignidade humana é uma das questões mais frequentemente presentes nos debates bioéticos.4

A dignidade da pessoa humana abrange uma diversidade de valores existentes na sociedade. Trata-se de um conceito adequável a realidade e a modernização da sociedade, devendo estar em conluio com a evolução e as tendências modernas das necessidades do ser humano. Desta forma, preceitua Ingo Wolfgang Sarlet ao conceituar a dignidade da pessoa humana:

[...] temos por dignidade da pessoa humana a qualidade intrínseca e distintiva de cada ser humano que o faz merecedor do mesmo respeito e consideração por parte do Estado e da comunidade, implicando, neste sentido, um complexo de direitos e deveres fundamentais que asseguram a pessoa tanto contra todo e qualquer ato de cunho degradante e desumano, como venham a lhe garantir as condições existenciais mínimas para uma vida saudável, além de propiciar e promover sua participação ativa e co-responsável nos destinos da própria existência e da vida em comunhão com os demais seres humanos.5

O Princípio Constitucional da Dignidade da Pessoa Humana, é o principal e mais amplo princípio constitucional, no direito de família diz respeito a garantia plena de desenvolvimento de todos os seus membros, para que possam ser realizados seus anseios e interesses afetivo, assim como garantia de assistência educacional aos filhos, com o objetivo de manter a família duradoura e feliz, assim preceitua Maria Helena Diniz:

[...] é preciso acatar as causas da transformação do direito de família, visto que são irreversíveis, procurando atenuar seus excessos, apontando soluções viáveis para que a prole possa ter pleno desenvolvimento educacional e para que os consortes ou conviventes tenham uma relação firme, que integre respeito, tolerância, diálogo, troca enriquecedora de experiência de vida etc.6

É relevante referir que o reconhecimento da dignidade se faz inerente a todos os membros da família humana e de seus direitos iguais e inalienáveis, é o fundamento da liberdade, da justiça, da paz e do desenvolvimento social.

PRECISAMOS DIZER MAIS ALGUMA COISA?

Anônimo disse...

Ele invejou MM ,E NÃO AGUENTOU MANTER O ACORDO ,Mas pelo sim e pelo não .quem é funcionário é Lei ganhar Tiket ALIMENTAÇÃO E VALE TRANSPORTE. OU ISSO É ENGANAÇÃO .PAGA O POLÍTICO QUE DESEJA SER CORRETO E QYEM NÃO É CORRETO DE BERÇO .FICA SEM ESSES BENEFÍCIOS .