terça-feira, 20 de agosto de 2013

EDITORIAL - Não é só pela árvore de natal


Uma recente reclamação sobre o atendimento na UPA de Cabo Frio, postada no facebook, gerou discussão acalorada sobre o serviço ali prestado.

O que ali vimos em nada difere do que tem sido notado na maioria das discussões sobre o atual estado da administração municipal: o governo tentando desviar o foco de sua responsabilidade para o servidor.

A culpa das milhares de demissões realizadas pelo prefeito no início do ano, assim como o fardo de uma série de incompetências com o trato do dinheiro público, têm sido constantemente colocadas pelo governante na conta e nas costas do PCCR, e, consequentemente, na do servidor municipal.

Essa reclamação sobre a UPA manteve a lógica: ao, mais uma vez, ignorar a assessoria que tolhia suas participações raivosas e pouco republicanas nas redes sociais, o prefeito voltou a guiar-se por seu próprio fígado, ao comentar e se manifestar no facebook, dando show do que sempre deu: declarar sua oposição ao trabalhador; sua fúria contra o servidor, tratando-o de forma humilhante e desrespeitosa.

Entre os trechos do comentário do prefeito sobre o caso, destacamos o mais significativo de todos:


“(...) Infelizmente tem parte desses profissionais que se acham superior aos demais cidadãos é por isto que a Dilma deve mesmo importar médicos de outros países pra ver se os nossos tomam vergonha e parem de aprontar com o seu patrão que são vocês contribuintes. Boa noite.”

Fora o fato de ter tratado os médicos da cidade como lixo, o argumento do prefeito em sua intervenção é o de que o aumento salarial dado aos médicos por ele, por si só, resolveria todos os problemas da UPA, já que a denúncia, no caso, prendia-se à falta de atendimento por ausência de médicos na unidade.

Mas médicos e servidores de saúde acompanharam o “discurso” do prefeito e revelaram a realidade nada “digna” da UPA: houve deslocamento de médicos da unidade por vários motivos naquele dia, que recebeu número de atendimentos acima do comum. Médicos foram deslocados para o Hospital São José Operário, que é municipal. O salário dos médicos, na verdade, foi aumentado em percentual muito inferior ao cantado em alto som pelo prefeito – ele compara um salário anterior líquido com um atual bruto, numa estratégia matemática facilmente desmascarada.

Tal valor, destaque-se, foi trazido pelo poder municipal não por respeito e admiração à classe médica, mas pela impossibilidade de contratar profissionais para trabalhar nas condições vergonhosas mantidas pela própria prefeitura no local. O HCE, por outro lado, não reabriu ainda, conforme prometera o mesmo prefeito em campanha, já que a orla, os buchos de ouro, os aluguéis suspeitamente caros de prédios públicos, a Joaquim Nogueira, os shows megalomaníacos, e as árvores de natal são mais importantes.

A saúde tem passado mal nesse governo, fato que denunciamos há meses, especialmente, trazendo informações sobre perseguições políticas, demissões, administradores despreparados e falta de materiais nas UPA’s da cidade, publicando os desmandos que acontecem, por parte do poder público, nessas unidades, além de divulgar as lutas dos profissionais da área por mais respeito, conforme tem acontecido nos protestos dos últimos dias.

A postura do prefeito na postagem, mais uma vez, mostra a forma arrogante e soberba com a qual o trabalhador do município é tratado. Mas já foi tempo em que essas posturas passavam incólumes pelo crivo das manifestações populares, virtuais ou nas ruas.

É pela saúde. É pelo servidor. É pelo trabalhador. É pelo contribuinte. É pelo cidadão. É pelas famílias. É por muito mais do que cinquenta ou vinte centavos. Não é só pela árvore de natal.

EM TEMPO: a postagem em questão pode ser acompanhada CLICANDO AQUI. Só espero que ninguém apague, sorrateiramente, seus comentários raivosos, já que eles foram devidamente printados.

9 comentários:

Julio disse...

Tantas reclamações da saúde, e eu não vejo e nem ouço, o secretário Sr. Dermeval, vir a público das explicações das ineficiências da área,a qual, ele tanto "dominava" no mundo virtual. Será que eu vou ter que arrumar ou comprar um estetoscópio,para ouvi-lo? Será que o Dr.Roberto Pillar me empresta?Mas quem ficava "dando aulas" e criticando em blogs a administração da saúde do "governo passado", deve ter muito a dizer e a explicar, não é? Ou ele viu: que no virtual é virtual e no mundo real é totalmente real.
Um abraço e segura essa "bomba", Sr. Dermeval.


Longe de mim, colocar morfina na esperança do povo da cidade, mas eu já percebi,que só milagre para melhorar essa saúde. Não adianta, jogar na mídia,que não tem filas para isso, filas para aquilo,porque esse 'medicamento',não tem nada a ver com o "diagnostico" e pode ter reações adversas.

È "passagem da dignidade", parece que agora vem "cesta da dignidade"...., daqui a pouco,ninguém vai mais trabalhar na cidade. Fica em casa,só recebendo a "dignidade" bater a porta. Dignidade tem preço? Tudo isso é digno? Quer mesmo "amarrar" o povo com "esmolas". É o fim!

Anônimo disse...

Não consegui ver a postagem. Será por quê?

Anônimo disse...

Ainda bem que sou professora ,porque se fosse médica esse prefeito ,ia ouvir muitas coisas ,Chamando os médicos de malandros,foi isso mesmo, Então ele concorda em trazer médicos de fora,Aqui em cabo Frio ,logo receberia denuncias das faltas de remédios,equipamentos e muitas coisas mais.

Anônimo disse...

Vou falar para o palhaço Natureza ,Jair infelizmente o prefeito sofre dessa mania de pegar na mão grande as coisas dos outros ,Queria ver se ele tivesse nascido no país, que quando alguém pega as coisas dos outros ,as autoridades cortam as mãos ,Parou para pensar quanto esse prefeito ia ficar sem grande parte de seu corpo .

Anônimo disse...

Este conteúdo está atualmente indisponível
A página solicitada não pode ser exibida no momento. Ela pode estar temporariamente indisponível, o link clicado pode ter expirado ou você não possui permissão para ver esta página.

Deletaram o link do facebook, favor postar os prints!

Anônimo disse...

O sr.Demerval diz que está aguardando o Pregão, para poder colocar em prática todos os projetos para a saúde. É brincadeira, né!!!!Enquanto isso que se lasque o cidadão Cabo Friense.

Julio disse...

Enquanto aguarda o pregão, o povo leva "preguinho".

Anônimo disse...

Quem acredita nisso! Demerval em cabo frio não existe isso meu filho,vai pra casa demerval .

Anônimo disse...

Pregão em Cabo Frio ,É para rir ,quando que isso vai acontecer aqui, Esse Demerval pertence a qual família do prefeito? Quanto será que ganha este Demerval ,eu fiquei sabendo que gosta muito de chupar laranjas,será verdade?