quinta-feira, 26 de julho de 2012

Exército vai fiscalizar a eleição em Cabo Frio

Em reunião do Centro de Controle e Comando das Eleições 2012, realizada nesta terça-feira, dia 24, o TRE-RJ definiu as primeiras regiões que vão estar sob controle imediato do Tribunal. O esquema especial de segurança começa por Cabo Frio, Campos dos Goytacazes, Itaboraí, Macaé, Magé, Rio das Ostras, São Gonçalo, Zona Oeste do Rio de Janeiro e Complexo da Maré. Essas mesmas áreas serão alvo da atuação das forças federais, solicitadas ao Tribunal Superior Eleitoral. O presidente do TRE-RJ, desembargador Luiz Zveiter, adiantou que, já na próxima semana, haverá uma grande operação de fiscalização, em local ainda a ser definido.

"A fiscalização do TRE-RJ vai ter presença ostensiva nessas áreas, para coibir abusos e também esclarecer que os eleitores poderão votar com liberdade e consciência", disse o desembargador Luiz Zveiter. "Não existe a possibilidade de que alguém seja obrigado a dizer em quem votou, todos devem estar seguros disso", acrescentou. Além do TRE-RJ, integram o Centro de Controle e Comando a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), o Comando Militar do Leste, as Polícias Federal e Rodoviária Federal, a Secretaria Estadual de Segurança Pública e a Procuradoria Regional Eleitoral do Rio de Janeiro. 
 

COMENTÁRIO: O clima de insegurança eleitoral se deve em muito à insegurança jurídica criada a partir das eleições de 2008, quando o candidato derrotado por 14mil votos não se conformou em perder nas urnas e decidiu tentar ganhar no tapetão. Daí para frente, a cidade virou um inferno judicial, gerando a instabilidade que hoje leva o TRE-RJ a tratar a política de Cabo Frio como caso de polícia, ou melhor, de Exército...no mais, bom saber que teremos mais certeza de que os resultados eleitorais serão limpos e seguros, para que o desejo popular seja o grande vitorioso.

Nenhum comentário: