ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018

ESPECIAL ORÇAMENTO PARTICIPATIVO 2018 | Sugira sua emenda nos comentários. Vote nas enquetes. Dê sua opinião. Ajude nosso mandato a ser verdadeiramente popular e participativo!

domingo, 29 de abril de 2012

EDITORIAL - O trabalhador e o feriado

Aproxima-se o dia do trabalhador e, com ele, as reflexões sobre a data e sobre o papel desse personagem central na nossa região e nosso país.

Um dos problemas da data é a visualização do trabalhador como ator geral, não atrelado às peculiaridades específicas da região em que atua. 

Pensar o trabalhador como conceito nacional, por exemplo, não ajuda em nada a discussão da demanda do comerciante, do atendente de loja, do secretário e do ambulante, característicos de nossa região.

É preciso transformar a data em uma discussão concreta do que pode e do que não pode ser feito para melhorar a vida não do trabalhador, mas dos diversos trabalhadores de nossa cidade, cada um com suas necessidades particulares.

A noção de classe não pode esconder a noção de pessoa e a discussão da realidade local.

Bom dia!

Dica cultural

Lapa dia 30
O prefeito carioca Eduardo Paes (PMDB) decidiu que será dia 30, amanhã, a reinauguração da praça dos Arcos da Lapa. A festa será produzida pela Fundição Progresso e apresentará o ótimo grupo Casuarina.

O Espião Fantasma viu...


Conversavam animadamente, na tarde de sábado, o ex-Vereador Alexandre de Alair e o advogado Carlos Magno. No meio da conversa, aparece o Vereador Luis Geraldo (PPS), que torna o papo ainda mais sorridente entre os membros da mesa. Qual teria sido a pauta?

Migalhas...


Alair na rádio
A entrevista do ex-Prefeito e ex-Deputado Alair Corrêa (FOTO) na Rádio Litoral FM, no último sábado, serviu apenas para mostrar que o mesmo rapaz não mudou em nada, com ou sem perdão. Em uma das pérolas, Alair respondeu a um cidadão, que questionava a ausência de manilhamentos no bairro Manoel Corrêa, em obra realizada em seu governo, dizendo que o mesmo fazia aquela pergunta "porque tinha portaria". Ora, assim é fácil fazer política...

Alair na rádio II
Após nova ligação do mesmo cidadão, dizendo que não tinha portaria, Alair pediu desculpas e se saiu com outro argumento. Decida-se...

Alair na rádio III
É certo que as obras de Alair no bairro podem ter sido incompletas e é certo que, em 8 anos de governo Marquinho, nada também foi feito para melhorar. Então também é certo que os dois se merecem, e que a opção da cidade em 2012 deve ser diferente dessa mesmice inoperante de 16 anos.

Bebeto Lima na atividade
O blogueiro Bebeto Lima (www.bebeto--lima.blogspot.com.br) anda na atividade nas noites cabofrienses. No sábado, passeou pelos míticos bares de Anselmo e do Bloco Que M. é Essa, no Sao Bento, junto a seu fiel escudeiro Mauricinho, o único italiano da Lagoa.

Em retiro
Já o Deputado Estadual Janio Mendes (FOTO) encontra-se em retiro espiritual que realiza anualmente com sua família neste feriado. Na volta, a ideia é continuar sentando a lenha na pré-campanha à prefeitura de Cabo Frio.

Camarões e vinhos
A tarde de sábado do Bate-Papo Café foi elevada substancialmente em nível de degustação. A responsabilidade do feito foi do Turismólogoa Mardônio, que brindou os presentes com um belo camarão vg ao molho de tequila, alho é óleo, acompanhado do ótimo vinho chileno Polero.

Parabéns
Parabéns ao blogueiro e sambista Marcos Chaves, pessoa que sempre foi de minha admiração e que agora admiro mais ainda por deixar claras suas posturas, mudanças e decisões políticas. Com transparência e clareza, as coisas sempre funcionam melhor.

Fococas e fichas
Circula na internet um boato de que Janio e Alair não poderão ser candidatos à prefeitura de Cabo Frio e que já estariam se articulando para lançar, respectivamente, Vinicius Corrêa e Osmar Sampaio (FOTO) em seus lugares. Melhor do que essa só a história do lobisomem da Gamboa...

PT, Alair e Janio
Por falar em Alair e Janio, furou a reunião de sábado na qual o PT discutiria mais uma vez quem apoiaria para o pleito de 2012. Apesar de já ter aprovado o indicativo de apoio a Janio Mendes, o Diretório Municipal tem o direito de discutir o assunto quantas vezes quiser até a convenção, que deve ser realizada até o final de junho.

PT, Alair e Janio II
A reunião não aconteceu, mas em visita à região, na sexta-feira, o Deputado Estadual Róbson Leite (PT) reafirmou que o partido deve seguir com Janio para as eleições de 2012. Para sacramentar o apoio, se retirou do recinto para fazer uma importante ligação, na direção de uma telefone de DDD 22. O que se ouviu foi um tom ríspido e decisivo...

Lula é Doutor
O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (FOTO) receberá nesta semana o título de doutor honoris causa das universidades federal do Rio de Janeiro (UFRJ), do Estado do Rio de Janeiro (UniRio), Fluminense (UFF) e Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). A cerimônia será realizada no Teatro João Caetano, no Centro da capital.

Delta na berlinda
A incriminação - ou quase - da Delta construtora no processo da CPI do Cachoeira vai causar um estardalhaço em todo o Brasil, já que muitos governos estaduais e municipais são contratantes da construtora. O entrave maior se dará no estado do Rio, maior dispensador de recursos à Delta, que já determinou sua saída das obras do Maracnã e da Transcarioca. Assim, as duas obras, já lentas, ficarão ainda mais devagar. E o povo é que se dá mal, no final...

Delta na berlinda II
Informações dão conta de que a construtora, na verdade, já se encontrava em situação financeira crítica antes da CPI, e que a tarefa de Carlos Alberto Verdini no comando da empresa seria, exatamente, tentar encontrar um comprador para a construtora.Ao que se diz, maracutaias anteriores, no Dnit, em 2011, teriam causado a quebra. Com as novas denúncias, os bancos financiadores resolveram fechar de vez os cofres, decretando a morte da empresa.

Guardiola?
O papo é que Guardiola (FOTO), técnico do Barcelona, que está de saída do clube, seria chamado para ser o técnico da seleção brasileira. Para jogar bonito e não ganhar nada? Não obrigado...

Guardiola? II
Há quem diga que o espanhol teria sido sondado também pelo Flamengo, a quem respondeu negativamente, por desejar novos desafios, e não uma missão impossível...

Essa é séria
Sério é o papo da vinda do holandês Seedorf para o Botafogo. A conversa já existe há dois anos. A esposa de Seedorf é brasileira e o sonho do jogador é morar no Rio. O fogão saiu na frente.

Kadafi e Sarkozy
Documentos até então secretos vieram à tona na França essa semana, dando conta do financiamento da campanha de Sarkozy à presidência francesa, em 2008. Isso pode ajudar a vitória de Hollande e tornar a transferência de votos de Le Pen para o atual presidente irrelevante para o resultado. Sempre achei Kadafi e Sarkozy muito parecidos...

Marquinho e o PMDB
O prefeito de Cabo Frio Marquinho Mendes (FOTO) voltou a afirmar, em entrevita ao blog da Renata Cristiane (www.reporterrenatacristiane.blogspot.com.br) , que, no final das contas, quem vai decidir mesmo seu apoio para 2012 é o Governador Sérgio Cabral. Entendi...

Mangueira não decide
A reeleição por aclamação do presidente do G.R.E.S. Estação Primeira de Magueira, Ivo Meirelles, que deveria acontecer no sábado, foi cancelada por liminar da 36ª vara Cível. A liminar garantiu a desimpugnação das chapas que foram proibidas de continuar no processo eleitoral e a manutenção da data da escolha do novo presidente e do conselho deliberativo e fiscal, 28 de abril. Porém, no final da noite, a chapa de Percival Pires, 'Raízes da Mangueira' conseguiu autorização em outra liminar que suspendia a eleição e ordenava a retirada de Ivo Meirelles de seu atual cargo. Além disso, a Justiça iria escolher uma data específica para que a eleição ocorresse. Vai dar samba...

Só para provocar...

Como as coisas mudam...
Tem blog por aí que de repente resolveu elogiar um determinado pré-candidato, do dia para a noite. Ontem, dizia que o mesmo nã tinha chances e que era carta fora de baralho. Hoje, afirma que o mesmo é a bola da vez, o melhor, e talvez, até o mais bonito e educado. O que será que aconteceu? Ideologia? Deve ser...

Cotas unânimes

Publicado no Jornal Folha dos Lagos em 28 de abril de 2012.

Na última quinta-feira, o Supremo Tribunal Federal aprovou por unanimidade a manutenção da política pública de cotas raciais para ingresso nas universidades públicas do país. A decisão, mas, mais do que ela, os antecedentes do julgamento e suas motivações, evidenciam de maneira bem clara todo o contexto social, político e simbólico que envolve essa demanda.

A ação foi interposta pelo partido Democratas (DEM), e partiu de alguns pressupostos argumentativos para tentar tornar a política de cotas raciais inconstitucional – mais especificamente, o processo utilizado na UnB (Universidade de Brasília). Entre eles, discussões ultrapassadas, como a impossibilidade de definir o negro e o índio no Brasil devido à grande gama de relações e resultados interétnicos existentes no povo mestiço brasileiro. Outra argumentação do DEM contra as cotas se deu a partir da crítica ao sistema de autodeclaração.

O sistema de autodeclaração dá a qualquer cidadão o direito de se declarar ou não negro ou índio. A crítica a esse sistema – moldado e defendido pela antropologia cultural pós-anos 60 – não leva em conta, em geral, uma análise histórica: os comportamentos sociais e as opiniões mídias das populações, grosso modo, variam como gangorras, ciclos, ou ainda, a partir de teses e antíteses, parafraseando Hegel.

Explique-se: uma sociedade, como a nossa, ocidental, que viveu por séculos o que podemos chamar de alterdeclaração (ou seja, quando outra pessoa, o poder público, arbitrariamente, declara se você é ou não negro); e um país como o nosso que, por décadas, viveu a presença de políticas públicas também arbitrárias no que se refere aos negros (vide escravidão imperial e Ditaduras na República), naturalmente, no período histórico posterior, tende ao contrário: nosso atual momento de apoio ao sistema autodeclaratório é consequência e resposta natural a anos de alterdeclaração.

Obviamente, tal sistema poderia vir acompanhado de uma análise genealógica do cidadão, como ocorreu em outros países. A necessidade de melhoria no processo, entretanto, não justifica a abolição (com trocadilho) do sistema de cotas, mas sim abre caminhos para seu aperfeiçoamento.

A política de cotas raciais vem ao encontro da reparação de erros históricos e busca a equiparação entre grupos econômica e socialmente desiguais, entronizando na política pública nacional o jargão aristotélico, reproduzido por Rui Barbosa, que os próprios opositores das cotas tanto propagam: “tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais”. Num país onde a desigualdade entre pobres e ricos praticamente se iguala aos índices de desigualdade entre brancos e negros/índios, as cotas raciais se aproximam – e muito – das cotas sociais, que beneficiam os hipossuficientes.

Obviamente, as cotas precisam de reparos. Não se determinou, no Brasil, se a mesma política tem caráter permanente. Nos Estados Unidos, as cotas foram criadas nos anos 60 e já cessaram seus efeitos, pois se estabeleceu por lá, desde o início, a noção de que seria uma ação temporária, para alcançar determinados índices de equiparação entre brancos e negros. Pode ser necessário reparar essa lacuna, como parece ser salutar indexar a questão da genealogia, conforme propusemos acima.

A vitória das cotas, na quinta-feira, foi a vitória do povo brasileiro, pois essa política pública tem a cara do Brasil de hoje: país de sucesso, que busca a reparação de erros históricos, desenvolvendo práticas concretas para tal, precisando, entretanto, de reparos e melhorias naturais, que só beneficiarão ainda mais seu povo. É preciso avançar, e não retroceder – e a decisão do STF mantém acesa essa chama da evolução na política pública educacional e social no Brasil.

Rafael Peçanha é Mestre em Antropologia (UFF), professor das disciplinas de História dos Povos Indígenas e Afrodescendentes; e História da África Pré-Colonização, do Curso de Graduação em História da Universidade Estácio de Sá – Cabo Frio.

Uma homenagem ao amigo Zel do Braga e sua tentativa de destruir o meu lar


quinta-feira, 26 de abril de 2012

Denúncia: moradores reclamam de falta de saneamento e de descaso da Prefeitura de Cabo Frio

Os moradores das imediações da Avenida Wilson Mendes, no trecho entre a sede da Inter TV e a Escola Municipal Achilles Barreto, reclamam constantemente  da  vala  negra "paralela" à via, e solicitam sua limpeza o mais rápido possível. Segundo um representante dos habitantes do local, o pedido já foi reiterado várias vezes à Prefeitura, sem sucesso. A área mais crítica fica bem em frente ao Instituto Politécnico da UFRJ.

Alô Prefeitura! Não dá para falar de turismo de qualidade, qualidade de vida e educação, sem saneamento básico na entrada da própria cidade e descaso bem em frente a dois espaços de ensino!


quarta-feira, 25 de abril de 2012

EDITORIAL – E as pesquisas?

Seja no período pré-eleitoral ou eleitoral, há três tipos de pesquisas.

Uma é aquela feita e paga pelos grupos políticos a empresas sérias, que buscam dados que fundamentem as articulações daquele grupo e seus partidos e atores envolvidos.

A segunda é a mesma da primeira, só que é divulgada e registrada no TRE ou TSE, mas só quando o resultado é bom para o candidato que encomendou.

A terceira é fake, é falsa, é arquitetada para beneficiar um candidato ou prejudicar outro. Pode ser realizada com a alteração de dados de uma pesquisa séria, como a simulação de dados de uma pesquisa que nunca existiu, ou ainda, como factóide, fofoca política que ronda a cidade, mas que ninguém teve a honra de poder ver em papéis, números e dados, até porque ela não existe.

Ou seja – o mais verdadeiro nas pesquisas é aquilo que só as cúpulas das candidaturas sabem: as pesquisas sérias, mas de resultados internos, mais prognosticas do que diagnósticas.

De igual maneira, a pesquisa de tipo três pode ser forjada de acordo com a pesquisa de tipo 1.

Ou seja...

Bom dia!

Migalhas...

Blogueiro assassinado
O jornalista Décio Sá (FOTO), repórter e blogueiro do jornal "O Estado do Maranhão", foi assassinado na noite desta segunda-feira com tiros a queima-roupa num bar, na Avenida Litorânea, em  São Luís. Isso tem que parar.

Dia de cinema
Hoje, quarta-feira, é dia de cinema no Cine Estação de São Pedro da Aldeia. A película do dia é “Coisa mais Linda”, documentário de Ricardo Paulo Thiago, com 128 minutos.  A entrada é franca e a sessão começa às 16h30min. A sala fica ao lado da Igreja Matriz, próximo à Casa de Cultura Gabriel Joaquim dos Santos, na Rua Francisco Coelho Pereira s/n°, no Centro.

Dia de cinema II
O filme fala sobre o nascimento da Bossa Nova, nos anos 50, exibindo entrevistas e apresentações de Roberto Menescal, Carlos Lyra, João Donato, Alaíde Costa, Johnny Alf, Kay Lira, Leny Andrade, Chris Delano, Joyce, Sergio Ricardo e Billy Blanco. O  projeto é obra do Escritório Técnico do IPHAN na Região dos Lagos, que, assim como a FIAT, saiu de Cabo Frio e foi para São Pedro...
 
Aliás...
É preciso salientar o bom trabalho desenvolvido por Ivo Barreto (FOTO) à frente do Escritório do IPHAN. Já rendeu até elogios públicos do Secretário Eduardo Leal em rádio de grande audiência na região.

Quilombos unidos
Entre os dias 1 e 3 de junho se realizará a 3ª edição da festa “Quilombos unidos em ação”, na Estrada da Restinga, número 100, no espaço público da Sociedade Esportiva Campos Novos, em Botafogo, Cabo Frio.

TSE adia decisão sobre PSD
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) adiou nesta terça-feira a decisão sobre o pedido do PSD PELO fundo partidário. Três ministros já se pronunciaram. O ministro Arnaldo Versiani é contra

Janio traz Bombeiros para Arraial e Tamoios
O Deputado Estadual Janio Mendes se encontra na quarta-feira que vem, 2 de maio, com o secretário Estadual de Defesa Civil e Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do Rio, coronel Sergio Simões, para fechar a instalação de Destacamento Bombeiro Militar em Arraial do Cabo e em Tamoios. A solicitação já foi feita ao governador Sérgio Cabral por ofício.

Ivo vive
O blogueiro Totonho (www.jornaldototonho.com.br) adotou o visual remake do ex-prefeito Ivo Saldanha, portando belo chapéu na tarde de hoje no Bate-Papo Café. Só faltou o cumprimento de estalo de dedos e sinal positivo, que marcaram a campanha do meteoro de 88 em Cabo Frio.

Feijoada bombou
A feijoada realizada na Escola Municipal Edith Castro, em Tamoios, bombou na terça-feira. Passaram por lá o Subprefeito Amador de Mattos e o Vereador Rogério do Laboratório (FOTO).

Outras visitas
Quem também passou pela mesma escola dia desses foi o pré-candidato a Vereador pelo PSB, Aquiles Barreto. Mas, ao que parece, não buscava feijoada...

Londres não empolga
Os primeiros adversários do Brasil nas olimpíadas de Londres são Egito, Belarus e Nova Zelândia. Deve empolgar tanto quanto as férias do Flamengo, que agora espera 25 dias para jogar novamente...

Convite estranho
O ex-Prefeito e ex-Deputado Alair Corrêa convida representantes de partidos para uma reunião, como se todos os convidados fizessem parte de sua coligação. Vai sonhando...

Barça não é perfeito
O empate do Chelsea com o Barcelona, em pleno Cam Nou, apontou muitas falhas no timaço, que recebeu a torcida de Galvão Bueno durante todo o jogo – não tem um centroavante, não sabe realizar jogadas aéreas, não chuta de fora da área e tem uma defesa fraca. Um time que tenha uma boa defesa e saiba jogar no contra-ataque ganha fácil. 

Mussi na berlinda
Está pegando muito mal em Macaé o fato do Deputado Federal Adrian Mussi (FOTO), irmão do Prefeito Riverton Mussi, ter votado contra a CPI do Cachoeira. O povo está desconfiado...



terça-feira, 24 de abril de 2012

EDITORIAL - Quem é amigo do Cachoeira?

Após as descobertas sobre a relação entre o bicheiro Carlinhos Cachoeira e o Senador Denóstenes, do DEM, abriu-se a caixa preta e vários outros nomes passaram a ser descobertos como "amizades" do contraventor. 

Detalhe interessante é saber que nem todos os parlamentares foram favoráveis à abertura de CPI para investigar as relações entre cachoeira e a política nacional. Por que será?

Ao lado, os nomes dos Deputados fluminenses que votaram contra a abertura da CPI.

Entre eles, estão o macaense Adrian Mussi, irmão do Prefeito de Macaé, Riverton Mussi, e Vítor Paulo, o imaculado deputado do PRB.

É para pensar...

Bom dia!

O Espião Fantasma Viu...



Conversas na praça do canhão dão conta de que o PMDB pode não dar a vaga de candidato à Prefeitura de São Pedro da Aldeia para o atual prefeito Carlindo Filho. Fora o risco de cair na malha fina da Lei da Ficha Limpa, haveria o descrédito no candidato, que estaria caindo nas pesquisas, havendo ainda a articulação da direção estadual do partido, que não teria lá sua simpatia com o prefeito aldeense. Será?

Dica cultural




A dica da semana é prestigiar a ótima voz e o excelente repertório de Tom Costa, no Quiosque Costa do Sol, todos os sábados e domingos, a partir das 13h. O cara é bom!

Migalhas...

Iguaba e as praças
A nova onda de construção e reforma de praças, aliada à promoção de shows e feiras semanais no município de Iguaba está fazendo o ex-prefeito Oscar Magalhães (PP - FOTO) ganhar pontos com a população. Tem muita gente dizendo que votará na candidata de Oscar, sua nora Graziela (PP) por causa desse “novo momento” na cidade. Daíco, Huguinho e Rodolfo já estão pensando em planos de governo só com praças...

São Jorge bombando
O dia de São Jorge, feriado estadual, foi concorrido em Cabo Frio. Na Igreja Católica Brasileira, Dom Álvaro mal respirou com quase 10 missas durante o dia. Na passagem, Jorge Bongô organizava uma churrascada com direito a música ao vivo. O quiosque Praião, em Barra de São João, começou a festa mais cedo – às 10h. Quem saiu de lá foi direto para a feijoada 0800 organizada na Escola Municipal Edith Castro dos Santos, em Santo Antônio, Tamoios.

Diretor candidato
O Diretor do Colégio Municipal do Sana, em Macaé, Sol Gray, deve se desligar do cargo essa semana para concorrer a uma vaga na Câmara Municipal de seu município. Sol já foi subsecretário de educação de Macaé e dirigiu o Colégio quando conseguiu o inédito resultado de 7º lugar no IDEB do estado do Rio de Janeiro.


Os alunos do curso de interpretação do Teatro Municipal andam tristes porque o diretor do espaço e também professor do curso, Anderson Macleyves, deixou o cargo para poder se candidatar a Vereador em 2012. A tristeza se deve pela perda de um mestre talentosíssimo e tarimbado das artes cênicas à frente das aulas. Alguém acredita?


Guardas da Memória
A obra que está bombando é o livro Guardas da Memória, de Meri Damaceno (FOTO), que continua à venda, com a própria autora.

Hollande quase lá
O socialista Hollande venceu Sarkozy no primeiro turno francês e vai para o segundo turno com o tradicionalíssimo governante. A tendência, porém, é que os votos da ultradireitista Le Pen, terceira colocada, migrem para Sarkozy. Ou seja: na França, Sarkozy não chega a ser uma extrema direita (imaginem se fosse) e um socialista terá trabalho para chegar ao poder. Efeitos da Revolução Francesa...

Felipe gasta
O meio-campista Felipe, do Vasco, deu aquela sacaneada no atacante Vagner Love, do Flamengo, após a vitória cruzmaltina no clássico de domingo. Vagner havia, durante a semana, dito que ficara feliz com a absolvição dos atletas vascaínos no STJD, pois assim o Vasco não teria desculpas quando perdesse no jogo dominical.

Felipe gasta II
Felipe (FOTO) respondeu, depois do jogo, que Vagner deveria estar feliz agora, pois teria 28 dias para descansar, já que seu time foi eliminado das duas competições que disputava (Libertadores e Estadual). Para completar, soltou a pérola: “quem vive de boca é cantor”. Genial.

Dando mole
Tarde de terça-feira, feriado, cidade com número médio de turistas, e a imagem mais bonita da praia do forte é um caminhão sujo recolhendo detritos dos banheiros químicos dos quiosques. Não havia outro dia e horário para fazê-lo?

Eleição na Império
Entre o final do mês de abril e o início de maio é aguardada a eleição da nova diretoria do G.R.E.S. Império de Cabo Frio. O presidente Macumba mantém o edital a sete chaves. Alô presidente! Vamos divulgar...olha a democracia...


domingo, 22 de abril de 2012

Jornal Valor Econômico aponta Lindberg (PT) na cola de Garotinho (PR) em 2014

O jornal Valor Econômico, em matéria de 10 de abril, divulgou pesquisa de intenções de voto realizada no estado do Rio de Janeiro, tendo em vista as eleições para o governo fluminense em 2014. Segundo o jornal, o Senador Lindberg Farias (PT) aparece com 10% de intenções de votos a menos que o Deputado Federal Anthony Garotinho (PR).

O resultado pode alterar bastante as opções dos diretórios municipais do PMDB pelo estado. A tendência é o partido buscar ao máximo a aliança com o PT nas eleições deste ano, já que o virtual candidato peemedebista, o vice-Governador Pezão, aparece apenas com 2% de intenções de votos.

Na negociação, o Governador Sérgio Cabral (PMDB) seria elevado como candidato a vice-Presidente da república com Lula (PT), e, em troca, seu partido abriria mão da candidatura majoritária no Rio, lançando o vice de Lindberg na chapa fluminense de 2014.


sábado, 21 de abril de 2012

Quem convence as convenções? (PARTE I)

O mês de junho é a data decisiva para os partidos, coligações, alianças e candidaturas postas (ou pré-postas) para as eleições deste ano. Na proximidade desse momento decisório, o silêncio reina na grande imprensa, até porque os que articulam novos rumos – ou a manutenção dos antigos–o fazem nos bastidores, sem falas, já que toda notícia veiculada na hora errada pode levar a reviravoltas indesejadas nos dias das convenções.

Cabe, portanto, uma tentativa de análise do pleito, pautada na abordagem das candidaturas majoritárias. Como a imparcialidade total é impossível, tentaremos estabelecer uma reflexão minimamente técnica, tangenciada, pelos nossos posicionamentos políticos subjetivos (como sempre), mas de maneira secundária diante de uma tentativa de observação objetiva do processo.

Diante da necessidade de ser breve e não tornar a leitura enfadonha, dividiremos essa análise em dois momentos. Nesse primeiro, analisaremos as pré-candidaturas de Alair Corrêa (PP) e Alfredo Gonçalves (PMDB).

Alair tem aparecido na frente nas pesquisas informais (não registradas no TRE-RJ) realizadas até agora, o que não aparenta novidade: nas últimas eleições, apareceu sempre na mesma posição, mas foi derrotado em 2008. O que ainda falta nesse processo eleitoral é um adversário anti-Alair, como, bem ou mal, foi Marquinho Mendes em 2008 e como tentou ser Paulo César em 2004 (levando-se em conta que Marquinho representava o pró-Alair). Os números de aceitação do ex-Prefeito são bons, mas mantêm os mesmos índices de votação e intenção de votos da eleição anterior, isto é, não passando da casa dos 37%, o que mostra uma estagnação de seu eleitorado – ou manteve os votos, ou ganhou tantos votos quanto perdeu. Leve-se em conta ainda seu índice de rejeição, que quase se equipara ao de aceitação, o que salienta a tese de que o que pode ameaçar a vitória de Alair é o surgimento de um anti-Alair, que agregue, em forma de votos, tais representações de repúdio ao ex-Prefeito.

Alfredo Gonçalves surge como candidato oficial do governo. Talvez tenha cometido erros, como alguns analisam, mas entendo que, Alfredo agiu das únicas formas que poderia nas situações em que se encontrava: Colou-se mais ao governo, tornando-se seu pré-candidato, e filiou-se ao PMDB como fruto de um projeto traçado desde as eleições de 2010. As duas decisões, embora coerentes com o planejamento que traçou, foram, entretanto, aliadas a duas situações frágeis politicamente: o governo e as lideranças estaduais do PMDB, ambas vivendo em constante conflito. Ou seja: Alfredo buscou estabilidade política onde só há instabilidade. Estivesse em outra legenda, na qual possuísse domínio, poderia romper com o governo e lançar candidatura independente, se aliando ainda a outros pré-candidatos que se encontram em um quadro secundário (Froilam, Mansur, Silas) e até mesmo aos próprios Paulo César ou Janio Mendes. Porém, filiado ao PMDB, Alfredo fica refém das lideranças municipais e estaduais da legenda. Assim, pode conseguir o registro da candidatura oficial do governo, mas sem empolgação plena de seu próprio grupo, alcançando a porcentagem de intenções que hoje possui – menos de 10% - mas pode também não conseguir seu intento, acabando em ser forçado a aderir a outras candidaturas, dependendo da decisão de seu partido.  

Na próxima semana, a análise de outras pré-candidaturas: Paulo César (PSD) Janio Mendes (PDT) e o PSOL.

quinta-feira, 19 de abril de 2012

EDITORIAL - O silêncio que precede o esporro

O silêncio atual dos pré-candidatos e dos partidos sobre suas articulações em relação ao pleito deste ano é de se esperar. Aproxima-se o momento das convenções e as definições são feitas cada vez mais sem alardes, para que os acordos não sejam "descumpridos" em cima da hora, ou seja, na hora das convenções municipais.

As convenções municipais dos partidos devem ser realizadas até o final do mês de junho e definirão candidaturas, alianças, coligações e tudo mais. O que for surpresa para o povo nesses momentos, em geral, será fava contada para os articuladores e os presidentes de legendas, atuantes nos bastidores.

Mas estes também podem ser surpreendidos com visitas inesperadas às suas convenções, que tragam boas ou más notícias, em geral, vindas de cima, isto é, dos Diretórios estaduais ou nacionais.

Fatos semelhantes ocorreram em 2008, ainda que em outros contextos.

É esperar para ver.

Bom dia!

Dica cultural - Roda de Jongo


Acontece neste sábado, dia 21, a partir das 18h, a Rida de Jongo mensal da Tribal - Associação Cultural Tributo à Arte e à Liberdade. O evento ocorre todo terceiro sábado na Praça São Benedito, no bairro da Passagem.

Migalhas...

PDT e PMDB
Circulou pelas ruas da cidade na terça-feira o boato de que PDT e PMDB teriam fechado naquele mesmo dia o acordo para as eleições de 2012 em Cabo Frio.

O fato
O fato é que não há nenhum acordo fechado. O PMDB, por meio de seu presidente Bernardo Ariston (FOTO) - que tem realizado ótimo trabalho à frente da legenda - tem conversado com vários partidos e grupos políticos, inclusive, com o PDT, tendo em vista o pleito de 2012. Essa afirmação foi do próprio Ariston, em entrevista na manhã de quarta-feira, na Rádio Litoral.

Porém...
Porém, é claro que o PMDB seria muito bem vindo ao arco de alianças do Deputado Janio Mendes.

Só para lembrar
Aliás, o Diretório Municipal do PMDB tem reunião nesta quarta à noite...

Garotinho e Hugo
O blogueiro Totonho achou fotos antigas de Garotinho (FOTO) com Hugo Cecílio e postou em seu blog www.jornaldototonho.com.br . Ou seja: Garotinho já foi amigo e já teve campanha apoiada pelo empresário que ele hoje condena.

Porém...
Há blogueiros, de outro lado, que lembram fotos nas quais Garotinho aparece com Brizola...

Se é assim...
Sendo assim, não custa nada lembrar: Se as fotos antigas são respondidas com fotos antigas, por que não falar de artigos de jornal antigos, nos quais se elogiava com carinho e quase louvor, o atual prefeito de Cabo Frio, que hoje é criticado por quem outrora o elogiou? Afinal, passado por passado...

E a desculpa?
E se a desculpa é que não se imaginava que Marquinho iria se tornar tão ruim como Prefeito, então Brizola não imaginava que Garotinho iria se tornar o que se tornou, e, talvez, Hugo também não imaginasse isso do Deputado, digo, o Deputado não imaginasse isso de Hugo...

Por falar em Deputado...
O Deputado Janio Mendes (FOTO) se reuniu com o grupo 100% artesão na segunda-feira e se dispôs a ajudar o grupo na nova demanda sobre a reforma da Praça do Teatro. Segundo o Secretário Eduardo Leal, famílias com mais de uma barraca e vendedores de produtos importados serão excluídos, sendo valorizados os produtores e vendedores de artesanato local, cada um com uma barraca. Será?

Alerj derruba veto do Governador a Janio
Os deputados da Alerj derrubaram o veto do governador Sérgio Cabral ao projeto de lei do deputado Janio Mendes que facilita a comprovação de residência no Estado do Rio (projeto 311/2011). A ideia é permitir a declaração de próprio punho como comprovante de residência no estado. O veto de Cabral foi rejeitado por unanimidade, e retorna agora ao governador.

SEPE se reúne e paralisa
A terça-feira foi tarde de assembléia do SEPE-Lagos em Cabo Frio. A categoria organiza paralisação na rede municipal e ato público em frente à Câmara Municipal às 15h.

Escolas e escolas
Há escolas na Rede Municipal (na verdade uma), que, composta quase 100% por funcionários concursados, paralisa atividades em dias de paralisação do SEPE. Não há aulas, e alunos e funcionários são convidados a participar dos atos de protestos. Tomara que essa escola faça escola...

Eleições
Por falar em SEPE, já se agitam as eleições do sindicato. As chapas têm até o dia 20 para se inscreverem. A comissão eleitoral já está sendo montada. Porém, ao que parece, a expectativa da inscrição de apenas duas chapas pode não se confirmar. Já há quem organize uma terceira opção. Será?

Alfredo e Paulo César
Ao que parece, os pré-candidatos Alfredo Gonçalves (PMDB) e Paulo César da Guia (PSD - FOTO) serão as chaves decisórias do processo eleitoral para prefeito de Cabo Frio. Para onde irão, o que farão, de qual lado ficarão, são decisões que podem rearrumar o qtual quadro para o pleito majoritário de 2012.

Evento no IFRJ
A partir do dia 5 de junho, o IFRJ – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro – realiza evento de apresentação de trabalhos acadêmicos que falem da região dos lagos. Vale a pena conferir.

Paulo Freire patrono
A Lei Federal 12612 de 13 de abril elegeu o educador Paulo Freire como Patrono da Educação Brasileira. Nada mais justo.

Mudança
O ato público realizado pelo PV de Cabo Frio em relação à localização do Shopping Park Lagos mudou de horário: será realizado às 12h ao invés das 11h.

Caracterizados
Foram vistos hoje pelas bandas do Portinho os artistas Vinicius Canisso, Juninho Caju (FOTO) e Yuri Vasconcellos. este último caracterizado de caixeiro viajante, ou Carlitos, segundo um crítico literário do Bar da Sardinha/Bar do Titio. O objetivo dos três era alcançar a abertura da Semana Monteiro Lobato, que se realizava naquela tarde.


quarta-feira, 18 de abril de 2012

Começa a Semana Monteiro Lobato

A Secretaria de Cultura vai realizar, nesta quarta-feira, dia 18 de maio, através da Biblioteca Municipal Walter Nogueira, a VII Semana Monteiro Lobato. O evento será realizado na própria Biblioteca, a partir das 9 horas, e contará com atrações como palestras, feira de livros, recitais de música, contação de histórias e também apresentação de trabalhos literários feitos por alunos da Escola Municipal Antônio da Cunha Azevedo.

A VII Semana Monteiro Lobato será aberta aos professores das salas de leitura, diretores da rede pública de ensino e convidados. Às 9h, a Semana será inaugurada com contação de histórias com a escritora Izabelle Valladares e apresentação do varal de redações com a exposição dos trabalhos dos estudantes da rede municipal. Na parte da tarde, às 14h, o Maestro Budega apresentará o show “Pixinguinha: música do povo” e, no mesmo horário, serão realizados a palestra e o lançamento do livro “O Sumiço da Caixinha de Alice”, de Neide Graça.

A Biblioteca Walter Nogueira fica localizada à Praça D. Pedro II, nº 47, Centro. Tel: (22) 2646-5830 e 2647-7740.

Viviane Rocha

segunda-feira, 16 de abril de 2012

EDITORIAL - As águas de abril

A confusão mental pela qual passa o clima na planeta se torna mais evidente quando vemos um dia de verão, típico de janeiro, acontecendo em abril, e dia de inverno, com chuvas o dia inteiro, em março.

As águas que chegam de abril, outrora de março, fecham o verão, ou seja lá o que for que estejamos vivendo, mas abrem um momento de intensa definição para a cidade. Finda a temporada, o primeiro grande feriado surge - a Semana Santa - e deixa alguns comerciantes - poucos - animados.

A cidade não se vende, não se expõe, não aparece para ter seus produtos, os produtos de sua gente, comprados. Falta vitrine a Cabo Frio.

Mas as águas de abril estão chegando. Começaram na noite de domingo e têm tudo para surpreender. Tomara que nã inundem a cidade, nem fujam, deixando-na seca qual deserto.

Bom dia!

Migalhas...


Batendo bolão?
O ex-Vereador Emanuel Fernandes (FOTO) anda se dedicando ao futsal. Estratégia eleitoral? Que nada – sua diversão é assistir ao filho se esbaldar nas categorias infantis da cabofriense. Domingo foi dia de sofrer e de comemorar com mais uma bateria de jogos pela manhã. O garoto tem futuro!

Editorial divide
O editorial que estampou nosso blog ontem causou opiniões diversificadas entre discordâncias e apoios parciais ou totais. Era esse mesmo o objetivo – discutir, e quem se dispõe a discutir tem de estar preparado para receber sim e não. Obrigado a todos que tem se dedicado a essa reflexão.

Oziris desfalcada
A banda Oziris – que se escreve com “Z” como nome artístico, apesar da nomenclatura histórica ser com “S” – que anima as noites de sábado no Arcos da Lapa, no Portinho, está desfalcada de um de seus maiores nomes – o músico e professor de História Rogério, que misteriosamente deixou o grupo.

Na espreita
No último sábado, aliás, um dos fãs da banda, Cláudio Leitão (FOTO), passou a noite toda escondido atrás de uma parede do estabelecimento. O motivo? Ele temia a presença de uma trupe de pedetistas, comandada pelo intrépido Júnior Souza, que causou estragos na noite local. Leitão temia mais uma vinculação ao PSOL do B, dissidência do Diretório Municipal do PSOL cabofriense que namora a candidatura do Deputado Janio Mendes.

Confraria
Ótimo o serviço da Confraria, estabelecimento que funciona embaixo do Hotel Caribe, na Praia do Forte. As melhores cervejas importadas e um belo tira gosto de queijos. Vale a pena experimentar.

Tiroteio cabista
O web designer Davy Vianna se assustou com os tiros que ouviu na noite deste domingo, na Praia Grande, em Arraial do Cabo, e se escondeu debaixo da cama. Há quem diga que a chegada desse tipo de violência em Arraial do Cabo já tem sido uma constante nos últimos tempos.

Por falar no Cabo...
O músico Andrezinho Bandeira compôs o jingle de campanha de Andinho (FOTO), Prefeito de Arraial do Cabo, para as eleições de 2008, mas, ao que parece, até hoje não recebeu o pagamento combinado. Que isso Andinho, que isso...

Encontro quente
Reuniram-se no escritório do Deputado Estadual Jânio Mendes, na manhã deste sábado, representantes de partidos do arco de alianças da pré-campanha do pedetista. A discussão foi sobre o plano para a cidade de Cabo Frio, que Janio quer apresentar em breve.



O Tiririca carioca?
O comediante Charles Henrique (FOTO), ex-Pânico, que vive assombrando os Deputados nas escadarias da Alerj, será candidato a Vereador em 20120 pelo PT do B. Será o novo Tiririca carioca?

Otávio Leite se acidenta
O deputado federal e pré-candidato à Prefeitura do Rio Otávio Leite (PSDB) sofreu um acidente na manhã deste sábado quando passava de carro pela Avenida Sernambetiba, no Recreio dos Bandeirantes. Otávio sofreu trauma de face e possivelmente lesões na coluna e na nuca e está internado em hospital particular no bairro de Ipanema.

Dia do trabalhador: dia de fazer protesto, pedir melhoria salarial e...

sábado, 14 de abril de 2012

EDITORIAL (GIGANTE) - empreender na escola?

Recentes notícias sobre a inserção da mentalidade empreendedora e gestora, nas políticas públicas de educação do país, têm trazido à tona a discussão: a linguagem e as práticas empresariais fazem bem ou mal à educação?


Tivemos, recentemente, a provação de projeto de lei dos deputados estaduais pedetistas Jânio Mendes e Luiz Martins, inserindo cursos de empreendedorismo nas escolas estaduais, nos períodos de férias. Já governador Sérgio Cabral aprovou a oferta de cursos de MBA em gestão empreendedora aos diretores de escola do estado, chancelados pela UFF.


Em São Paulo, algumas prefeituras já possuem a disciplina de empreendedorismo como eletiva na grade do ensino fundamental e médio. O programa, em nível estadual, já existe por lá desde 2002. A partir de 2011, o currículo das escolas públicas paulistas passou a ter o empreendedorismo como matéria eletiva, podendo ser cursada ao longo do ano, à escolha do aluno, do sexto ano do ensino fundamental ao terceiro do ensino médio.


A educação tem mais a ganhar do que a perder com tais práticas. Apesar disso, é conhecida a cultura empresarial, que, de modo geral, abafa a individualidade e a afetividade do ser humano em prol dos resultados, prazos, alcance de metas e produção.


Por outro lado, nossas administrações educacionais públicas se afastam demais do lado positivo da mentalidade empreendedora: na maioria dos casos – especialmente nas prefeituras – são corpos técnicos sem técnica, desconhecedores das rubricas orçamentárias (ou tão conhecedores que as desviam), desprovidos de rigor legal e burocrático, pautados demais no “amor” e na “construção do ser humano’ e menos nas práticas que realmente influenciem a mudança nas mentalidades e nas realidades sociais do alunado.


Esses corpos técnicos sem técnica, salvo exceções, são geralmente compostos por professoras tradicionais, de boa índole, “gente boa”, ou professores dedicados e sorridentes, mas quase sempre autoexcluídos dos conhecimentos técnicos da gestão educacional.


Por outro lado, levar ao alunado carente a visualização de sua própria trajetória como empreendimento, ainda mais em tempos nos quais surge a noção de empreendendor individual, nos quais ampliam-se os créditos, pulverizam-se os investimentos e investe-se sobremaneira no empreendedor emergente para girar a nova economia brasileira, parece ser muito mais salutar do que ensinar o aluno a “amar” como solução para os problemas sociais brasileiros – na verdade, da sociedade que o cerca e dele próprio.


A saída abstrata para os problemas sociais e educacionais, pautada em conceitos filosóficos - quiçá religiosos - não deve ser pauta de solução de demandas, mas de embasamento teórico das práticas. Não se resolve o problema da educação amando, mas sim, a partir de práticas eficientes e determinadas, praticadas a partir da noção de amor à figura humana e à sociedade.


Assim, se observarmos que a busca de fins e objetivos, mais do que dos meios, é apelo da gestão educacional brasileira desde o famoso manifesto de 1932 – corroborado posteriormente pelo Manifesto dos Educadores de 1959 – notaremos que o estabelecimento de metas para a a educação como excelência de gestão é padrão na área há 90 anos. Nosso momento de ruptura hoje seria, na verdade: quais metas? E mais: o que fazer para alcançá-las?


Sobre a qualidade das metas, parece ser necessária uma mudança das metas internas e negativas, na direção da externalidade e da positivdade dos objetivos. A escola não pode ter como metas reprovar menos, gastar menos com merendas ou reduzir o número de grávidas (acreditem, isso existe legalmente), mas sim, bater quantitativos significativos de alunos inseridos no mercado de trabalho, aprovados para escolas técnicas e universidades, premiados em competições nacionais e professores aprovados em seleções de mestrado e doutorado, por exemplo - isso é excelência de ensino e transformação social.


Sobre o alcance das metas, lembremos que, nos anos 30, os pioneiros responderam que as mesmas se alcançariam com uma mudança de mentalidade, uma alteração filosófica no campo da estrutura educacional. Pode ser. Mas agora, ao que parece, chega a hora de uma revolução no campo da prática da gestão educacional. Aos que desejarem permanecer a ler Içami Tiba e Augusto Cury, boa sorte, pois gosto não se discute. Mas uma passada pela seção de gestão de RH, gestão empreendedora, administração de empresas e temas afins, na mesma biblioteca, pode fazer bem.


Tudo isso se confirma a não ser, claro, que prefiramos renunciar a essas linguagens por termos medo de romper com o clássico “combate ao grande capital” - naquela fidelidade à nossa veia de esquerda que só pulsa muito de vez em quando - ou por temermos esquecer do indivíduo como pessoa humana, jogando o bebê fora junto com a água do banho suja, afinal, é muito mais fácil abrir mão da seriedade na administração educacional, com desculpas sentimentais ou revolucionárias, deixando tudo como está, e continuar a discutir a educação brasileira no facebook ou nos bares, com brados retumbantes e faixas de protesto escritas por canetas falhas.


Aproveitar a linguagem empreendedora na gestão educacional, excluindo, obviamente, as práticas negativas do meio empresarial, parece ser urgência do nosso novo tempo. Cabe decidir se optaremos pela coragem de avançar ou pela tranqüilidade fétida da omissão.

Morre o Antropólogo Gilberto Velho


Morreu na madrugada deste sábado, aos 66 anos, o antropólogo Gilberto Velho. Primeiro profissional da área a ingressar na Academia Brasileira de Ciências (em 2000), dormia em seu apartamento, em Ipanema, quando sofreu um AVC. Gilberto apresentava problemas de cardiopatia. O enterro será no domingo, das 10h às 15h, na capela 3 do Cemitério São João Batista, em Botafogo.

Atualmente, ele exercia o papel de professor titular do Departamento de Antropologia do Museu Nacional da UFRJ. Entre suas obras estão os livros "Mudança, Crise e Violência: política e cultura no Brasil contemporâneo" (2002) e "A Utopia Urbana: um estudo de antropologia social" (1973).

Gilberto era um dos maiores profissionais das Ciências Sociais em exercício no Brasil. Dedicado à área da Antropologia Urbana, realizou pesquisas de campo em diversos bairros do Rio de Janeiro, apontando as necessidades sociais e peculiaridades culturais do povo carioca.

As Ciências Sociais no Brasil perdem uma grande referência, e, com pesar, este blog lamenta o falecimento do Doutor Gilberto Velho.


Deputado Estadual Róbson Leite (PT) em Cabo Frio

Migalhas...

A caminhonete sassaricou
O Vereador Sassarico (PSB) criou polêmica em Iguaba Grande ao adquirir uma caminhonete para as viagens do Legislativo local. Sassarico é presidente da Câmara e do mesmo partido do atual prefeito Daíco, que era vice, e assumiu após a renúncia de Oscar Magalhães.

Por falar nisso...
Daíco (FOTO)assumiu e já aceitou a demissão de 12 dos 13 secretários da cidade. O papo é que ele vem candidato a Prefeito e comporá um interessante quadro de disputa com Graziela, Hugo Canellas e Rodolfo Pedrosa.

Porém...
Há um outro papo na cidade que garante a ida de Daíco para o lado de Hugo como vice, isso sem falar nas conversas entre Rodolfo e Hugo para composição, que acontecem desde o ano passado. Vai vendo...

Pré-candidato confirmado
O professor Paulo Cotias (FOTO) confirmou que mantém sua pré-candidatura à Câmara de Cabo Frio, o que não quer dizer que não hajam conversas – mas conversas todo mundo tem, afinal, a política é a arte de conversar.

Boa sorte
O Vereador Luis Geraldo, inclusive, teria desejado boa sorte ao rapaz para o pleito de 2012 pelo facebook. Ta certo...

Empreendedorismo na escola
O Deputado Estadual Janio Mendes, em conjunto com Luiz Martins, ambos do PDT, conseguiram aprovar projeto de autoria de ambos que inclui o curso de empreendedorismo nas escolas estaduais nos períodos de férias, com direito a visitas a grandes empresas e convênio com o SEBRAE.

MBA para diretores
Já o governo do estado aprovou a oferta de cursos gratuitos, na modalidade MBA, para diretores de escolas estaduais na área de gestão empreendedora. Os cursos serão chancelados pela UFF – Universidade Federal Fluminense.

Opinião sobre empreendedorismo na escola
Leiam o editorial...

Antropólogo ameaçado de morte
O antropólogo Tonico Benites, aluno de doutorado do PPGAS-MN-UFRJ, tem sofrido ameaças de morte nas proximidades da aldeia Pirajuí-Paranhos-MS, onde realiza sua pesquisa. A ameaça foi feita por um suposto membro da política paraguaia. A área é alvo de intensas disputas fundiárias, no que se refere à regularização para fins de reserva indígena, o que não é bem visto pelos fazendeiros que possuem terras na região.

PSD na pior
O PSD recebeu voto contrário do Procurador-Geral Eleitoral, Roberto Gurgel, acerca do mérito da legenda em receber Fundo Partidário e tempo de TV para o pleito de 2012. Se a decisão se confirmar, a candidatura do Deputado Federal Paulo César (FOTO) fica cada vez mais inviável em Cabo Frio, a não ser que ele agregue fortes partidos em seu grupo, o que tem prometido há tempos, defendendo que terá “o maior tempo de TV da campanha 2012 em Cabo Frio”. Valeu...

Tem sentido
Como eu já disse, a afirmação de Paulo César pode não ser leviana, se o Deputado já vislumbrar ou sua entrada em uma aliança de partidos com tempo de TV grande e consolidada, ou se confiar na Lei da Ficha Limpa, que pode barrar uma das outras candidaturas postas na cidade, fazendo-o candidato apoiado pelo candidato barrado.

Ou seja...
Paulo César fala isso já pensando ou em ser candidato do governo (com apoio do PMDB e talvez do PSDB) ou em ser candidato de Alair (talvez com apoio do PSDB), caso o ex-tudo não possa ser candidato, ou PC visualiza uma aliança com o Deputado Jânio Mendes, agregando o tempo de TV do PT. Lembrando: PMDB, PT e PSDB, nessa ordem, têm os maiores tempos de propaganda eleitoral televisiva do Brasil.

Instagram
O Instagram é a nova onda da internet e acaba de ser adquirido pelo facebook/google. O aplicativo é uma espécie de twitter apenas com fotos, utilizadas para apresentar ou narra fatos cotidianos dos usuários, que podem ser compartilhados, comentados e “curtidos”. Entre os criadores está um brasileiro. Até Barack Obama já aderiu à febre...

PDT rompe com Eduardo Paes
Os três vereadores do PDT, Jorge Manaia, Nereide Pedregal e Leonel Brizola Neto (FOTO) - que não é o Deputado Federal Brizola Neto, saliente-se - insatisfeitos com a gestão do prefeito Eduardo Paes, decidiram sair do Bloco de Esquerda. Na mesma reunião decidiram que o líder da bancada será o vereador Jorge Manaia.

Pagodeiro articulando
O ex-pagodeiro Netinho de Paula (PCdoB) afirma que os contatos com outros pré-candidatos têm sido frequentes, em especial com Celso Russomanno (PRB) e Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força Sindical (PDT). O pré-candidato comunista (?) diz que existe uma aliança em contrução entre essas candidaturas e até com participação do PSB para a formação de um bloco que poderia formar uma frente anti-polarização PT-PSDB. Tá certo...


Secretarias hilárias
A Câmara Municipal de Rio das Ostras aprovou neste mês a criação de 4 novas secretarias municipais na estrutura da Prefeitura da cidade. Entre elas, estão a de Valorização do Sistema de Ensino e a incrívelSecretaria Municipal de Veículos Oficiais. Uma comédia eleitoral, digo, governamental...