domingo, 13 de dezembro de 2009

Migalhas culturais...


---------- Fábio Emecê esclarece, em artigo publicado no blog do Totonho, os motivos da assinatura do manifesto contra superintendência de Igualdade Racial da Secretaria de Cultura pela Juventude Negra N'atividade. Muito bom.

---------- Tem sido prática corriqueira na área culural da cidade as tentativas de desestabilização, derrubada e golpe, fruto do "trabalho" de grupos e pessoas que ficaram de fora do poder ou na periferia dele. Não querem o melhor para a cidade ou a gestão democrática, mas ocupar o poder para serem gestores, simplesmente. O discurso é bonito, mas não engana a mais ninguém, a não ser aos integrantes do G.R.E.S. Inocentes de Cabo Frio.

---------- A situação da cidade se reflete bem na pomposa posse de João Félix na Subsecretaria de Cultura. Com tão poucos atrativos políticos, até posse de subsecretário tem que virar festa, exatamente como fez Toninho Branco quando prefeito em Búzios, ao inaugurar com grande alarde um simples banheiro público.

---------- O jornal Completo, por sua vez, cita que, com João Felix, "o povo toma posse". Há quem afirme no mesmo jornal que "depois de Lula e Obama, João Félix é o povo no poder". Gente, menos...bem menos...quanto sensacionalismo...quanta carência...
---------- Aliás, quem é o povo?

---------- Registre-se que as críticas aqui não são dirigidas ao novo Subsecretário. Não o conheço, mas acredito que tenha boas intenções e possa fazer um bom trabalho. O problema está no espetáculo montado pela representação social e jornalística (mesmo que seja de um jornal só), que deseja passar uma mensagem parcial, pessoal e intencional, ao mesmo tempo em que pretende desviar o foco de alguma realidade decadente...

---------- No mais...uma boa semana para todos...


3 comentários:

Fabio Emecê disse...

Rapaz,e me disseram que O João Felix seria a oportunidade do povo para se cobrar algo... Eu ando cético cara, e hoje acredito mais no trabalho coletivado e poder público participa dentro de um processo em q a gestão fique com quem tá no olho do furacão. Os gabinetes cabo-frienses estão cobertos de neblina...

facury disse...

Realmente, Cabo Frio está se tornando uma cidade que fica difícil as pessoas de bom senso fazerem algum comentário que tenha alguma conseqüência de importância. Depois de o Prefeito, exonerar o Guaral que estava construíndo o que já deveria ter sido construído há anos, o que se ver é um retrocesso da pior espécie. O que há de péssimo é o Zé Correia que eu sempre tive em altas contas, ao invés de desdobrar o plantio do ex coordenador, está completamente entregue à rapinagem das raposas culturais que ele sempre criticou em um passado recente.

Clovis Eduardo disse...

Quanto a Cabo Frio, há uma passagem dos refrões de Salomão que diz:

"Quando os justos governam, alegra-se o povo; mas quando o ímpio domina, o povo geme." Refrões de Salomão 29:2

"Quando os impiedosos se multiplicam, multiplicam-se as transgressões; mas os justos verão a queda deles." Salomão 29:16

Isso vale tanto para este quanto para os outros prefeitos e administradores