segunda-feira, 29 de junho de 2009

MIGALHAS - Secretários mais pobres, troféu teia de aranha e novas religiões


---------- Informação segura do Governo garante que os Secretários também entrarão no corte de 20%, afinal, o cargo de Secretário também é um cargo comissionado. Segundo a informação, houve reunião semana passada sobre o assunto, o que deixou cabisbaixos muitos donos de pastas...


---------- Se realmente for assim, a reforma do Secretariado mataria do coração os pobres Secretários que, tornando-se Coordenadores, perderiam ainda mais rendimentos...


-------- Se o impacto do corte de 20% não for tão grande nos próximos meses, quem sabe o Governo não prefira reduzir os salários dos Secretários, Coordenadores e Superintendentes em geral ao invés de efetivar a reforma?


---------- Beleleco apostou com a galera do Bloco: quem trouxer os contracheques do Secretariado mês que vem, todos com 20% de desconto, ganha cerveja de graça. Mas só por 20 minutos, afinal, é tempo de corte de gastos.


---------- Por falar em Bloco, o "Que M é essa?" tem nova Diretoria. O Presidente é Jorginho Mamaco. Este blogueiro apenas pede a manutenção do direito de pendurar algumas geladas na conta do bar.


---------- O corte de gastos na Prefeitura gerou a criação de uma nova Religião entre os funcionários: A Igreja do Copo Eterno. Só quem congrega é que sabe a força que essa fé tem.


---------- O TROFÉU TEIA DE ARANHA está complacente: há três blogs empatados com 2 semanas de não-atualização: Tribal, Presença (do Rio) e ACMAJE (Associação Comunitária dos Moradores e Amigos do Jardim Esperança). Convenhamos, duas semanas passa...vamos esperar mais uma pelo menos para pegramos quem realmente gosta de uma teia...


---------- Fabio Morais atualizou; Flávio Pettinichi também e Tomás Baggio só faz atualizar o blog agora: todos convertidos pelas ameaças do TROFÉ TEIA DE ARANHA. Flávio tornou-se um dos principais comentadores deste Blog, inclusive. É isso que a teia faz com os blogueiros...AMÉM!!


***

sábado, 27 de junho de 2009

MICHAEL JACKSON NÃO MORREU


Michael Jackson não morreu, e disso todo mundo sabe. Pessoas muito famosas, estranhas, que demoram muito a morrer ou que morrem de forma estranha, na verdade, não morreram. Todas elas estão a habitar a desconhecida ilha de Airtalodi, próxima aos mares de Arraial do Cabo.

Um dos caras que habitam Airtalodi é o Ulysses Guimarães. Político bem visto por uns mas despertador de várias desconfianças no meio parlamentar, Ulysses resolveu refugiar-se em Airtalodi para fingir sua morte e virar unanimidade nacional. Conseguiu, porque todo político brasileiro que morre fica legal, gente fina, e às vezes até herói. Prova disso é que até o Antônio Carlos Magalhães virou boa gente, simpaticão.

A idéia do Ulysses era voltar ao Brasil carregado pelo povo, inventando que havia escapado da morte com golpes de jiu-jitsu aplicados nos tubarões que cercavam seu helicóptero abatido ao mar. O problema é que Airtalodi é boa demais para querermos sair dela, e o coroa ficou por lá mesmo, deitado na rede por todo o dia, recebendo doses generosas de água de côco servidas pela cantora Maysa, uma das primeira a chegar lá.

Uma das últimas a pintar ali, antes do Michael, foi a Dercy Gonçalves. A jogada de construir o próprio mausoléu foi estratégica, afinal, todos da cidade de Santa Maria Madalena sabem que, na verdade, a tumba dá num corredor subterrâneo que vai direto na casa da atriz, que pôde tranquilamente vestir a fantasia de motorista já preparada para a ocasião e ir de carro até Rio das Ostras, onde tomou um navio que a levou até Airtalodi, onde descansa tranquilamente, tendo parado de falar palavrões, já que se converteu para a Igreja na qual o Pastor é o Clodovil, outro habitante tranquilo de Airtalodi.

Michael resolveu ir para lá, e o seu médico foi quem armou toda a sua viagem para Airtalodi, por isso está foragido. Ao depor, depois de ter tempo de inventar sua versão, vai dar qualquer declaração sobre a causa mortis, ou assumir o assassinato, pois é um código de Airtalodi: uma só pessoa pode ajudar um famoso a ir para lá, mas deve cumprir a promessa de jamais revelar a existência do local, inclusive devendo comprometer a própria liberdade ou a própria vida para isso.

O papo que rola pelos bares de Airtalodi, principalmente no do Costinha e no do Raul Seixas é que a próxima que já marcou viagem é a Hebe Camargo. Mas ela ainda precisa terminar alguns contratos firmados. Há dois políticos de cabo Frio que também já sondaram os Prefeitos (Airtalodi é administrada por um comitê de 12 Prefeitos, entre eles o Getúlio Vargas) da Ilha, mas ainda não confirmaram a residência lá.

Portanto, vamos todos ficar tranqüilos, o Michael Jackson não morreu e ainda está mais perto de nós, logo ali em Airtalodi. E quem pagou a passagem para ele, assim como para todos os outros, fomos nós.

*
*
*

Migalhas caricaturais...


---------- Flávio Pettinichi, em comentário a este blog, fez uma proposta interessante: lançar um edital (já que a Prefeitura não lança, na crítica do artista) para concurso da melhor caricatura deste blogueiro estranho (Rafael, vulgo Peçanha)



---------- O prêmio proposto pelo tribalista seria um café pago no Joaquim pelo Santo Padre Totonho (salve salve)



---------- Está então lançado o concurso, que tem dois concorrentes já: a charge de Zel e a caricatura virtual psicodélica do Flávio. Inscrições abertas!



---------- Resta saber se Totonho se compromete em bancar a premiação ou se alegará queda nos royalties...


---------- A entrevista concedida pelo prefeito Marquinho mendes à Folha foi fraca. "O que você esperava"? Me disse alguém. Dei razão.


---------- A moda na cidade agora é criar Fóruns de Debates. Ótima moda! Melhor do que afundar Cristos no mar ou fundar Parques Aquáticos...



***

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Detalhes do debate de hoje (Cabo Frio Cultura Viva) que os jornais não irão contar...


---------- Totonho fazendo crochê - ao citar que a questão da representatividade artística deve ser refletida, o velho Guru citou o exemplo de um artesão que faz crochê. Este blogueiro solicitou ao artista Ivan Cruz que confeccionasse uma caricatura do velho lobo do asfalto fazendo um casaquinho. Sem sucesso.


---------- Ivan Cruz aproveitou um momento de marasmo para elaborar desenhos dos participantes. Os contemplados foram Yuri Vasconcellos e José Facury, que estavam lado a lado na mesa.

---------- Octávio Perelló tentava pedir a palavra, mas a toda hora se desconcentrava com as piadas infames de Totonho.


---------- Este blogueiro comparou os Conselhos Municipais ao pedidos da lâmpada do Aladin, que podem ser usados para o bem e para o mal. Apesar de infantil, a comparação recebeu a concordância de Milton Alencar (não sei o que isso significa).


---------- Aliás, o papo que rolou no pós-debate foi a pergunta marcante de Juninho Cajú, que nem precisou ser respondida. Há quem tenha transformado o jovem senhor em um novo ídolo.


---------- De um participante: "pelo menos o cafezinho está muto bom"


---------- Meri Damasceno tirou onda por ser a única mulher da mesa. Mas também reclamou a falta de mais mulheres convocadas para o debate. Resposta de Paulo Cotias: "os índios também não estão representados e produzem cultura"


---------- Ravi Arrabal fotografou incessantemente o evento, enquanto comentava o debate por entre os dentes.


---------- Totonho puxou a pauta do Instituto de Cultura e foi intimado a sair do fumódromo para participar da discussão.


---------- Teve gente dizendo que alguns membros da assistência, na verdade, eram seguranças de membros da mesa. Que maldade!


---------- O jornalista Tomás Baggio não compareceu: foi pego de surpresa pela visita de Marquinho Mendes à Folha dos Lagos. Não perdeu tempo e realizou uma entrevista.


--------- Teve gente dizendo que Tomás agiu certo. "Para que estar com os Santos se estava presente deus?" disseram uns.


---------- Outros perceberam na visita do Prefeito uma conspiração para que o jornalista não comparecesse ao debate. Segundo esses senhores, o mundo acaba ainda hoje depois de "Caminho das índias".


---------- O Presidente da Câmara Alfredo Gonçalves chegou atrasado mas pegou o bonde andando e ainda arriscou entrar na cabine do maquinista.


---------- A mochilinha de Octávio Perelló não enagana: o rapaz conseguiu uma bolsa para estudar culinária na Estácio.


---------- Ivan Cruz registrou tudo na máquina fotográfica que também filma. Com direito a entrevista e tudo.


---------- Flávio Pettinichi aocmpanhou Ravi na fotografia comentada.


---------- Moacir Cabral estava lá. Estava?


---------- Paulo Cotias demorou para enxergar Manoel Vieira, do IPHAN, na assistência. Indico a Dra. Carmen, meu óculos tem me ajudado bastante.


---------- José Facury perguntou se a inscrição para falar estava valendo ou bastava cortar os assuntos como alguns faziam. Boa pergunta. Mas a melhor foi a de Juninho Caju. Medalha de prata para o teatrólogo.


---------- Guilherme Guaral colheu os frutos do debate depois, nos bate-papos pós-mesa. Há quem diga que tentaram secar a árvore do Secretário nos bate-papos antes da mesa de debate.



---------- Isso nã sei. Só sei do que me dizem.Nunca Li.


***

Estão pintando o sete com a minha cara...

Estão pintando o sete com a minha cara...virou mania: agora todo mundo quer me desenhar de alguma forma...o último sacaneador cultural foi o fotógrafo/desenhista/artista plástico/revolucionário e companheiro Flávio Pettinichi. Eis a obra abaixo:

terça-feira, 23 de junho de 2009

ZEL e suas contribuições


---------- O cartunista ZEL ofereceu-nos duas grandes contribuições: uma caricatura deste blogueiro (que na verdade traduziu-se num verdadeiro exercício espiritual de contemplação a tão tântrica face) e uma logomarca do TROFÉU TEIA DE ARANHA.


---------- A logomarca será usada, claro, a cada entrega do TROFÉU TEIA DE ARANHA, bem como na sessão lateral onde analisamo as novidades (ou morosidades) dos blogueiros.


---------- A charge de Zel também deve ficar permanente nesse espaço, afinal, é bem mais agradável do que as fotos que tanto encantam o pudico Octávius Magnus Perellós...


---------- De quebra, Zel ainda escapa da próxima edição do TROFÉU TEIA DE ARANHA.


---------- Quem também escapou da próxima edição do Troféu foi o artista plástico e fotógrafo Flávio Pettinichi. Esse escapou por pouco, e com estilo, estampando fotografia-denúncia de determinados pontos da Sucupira cabo-friense.


---------- O próximo da lista passa a ser o radialista, blogueiro e amigo Fábio Moraes, ex-companheiro deSidney Marinho em suas transmissões, e hoje firme na Rádio e TV Bandeirantes do Rio de Janeiro. Esperamos que, dos altos cantos do Méier, o rapaz se preocupe em receber tão inóspito prêmio e se converta. Em nome de Totonho.


---------- Nesta semana, este blogueiro foi confundido por duas vezes com o jornalista, blogueiro, ativista, cineasta, chefe de redação e namorado de fotógrafa Tomás Baggio. Nas duas vezes, negou a comparação por entender "ser mais bonito que estranho rapaz". Não obteve resposta.



**********

sábado, 20 de junho de 2009

Vinte por cento de carne, por favor



A nova notícia do Governo é o corte de 20% dos salários dos comissionados que ganham mais de R$ 900,00. A medida diz ter o interesse de reduzir gastos em tempos de “crise” e o deixa de fazer nos trabalhadores mais pobres para atingir os que teoricamente ganham mais. Mas a história talvez não seja tão bonita assim.

Antes de tudo, cabe ressaltar a legalidade do ato: não seria legal uma redução de salários de servidores concursados apenas. Neste caso, não há problemas.

O fato é que muito se fala das portarias. Em geral taxadas como instrumentos de barganha política e troca de voto, o que de fato, em boa parte o são, elas são sempre visadas como a banda podre dos governos. O argumento sempre é “o governo não faz isso em tal lugar porque não tem dinheiro, mas paga tanto para tanto fantasmas com portarias!”. Pois bem. A medida do Governo, teoricamente, silencia a crítica, porque a atinge de duas formas: se volta contra as portarias e contra as portarias de maior ganho. Com isso, o Governo pretende mostrar que está disposto a cortar na própria carne o preço da “crise” e a fazer a política de Robin Hood quase às avessas, “tirando dos menos pobres para dar a si mesmo”.

O fato é que, em primeiro lugar,o gesto do Governo não vem coberto de nenhuma preocupação social ou de moralidade na administração pública: é, na verdade a saída desesperada para compensar um déficit no orçamento que qualquer criança sabe não ser oriundo das “quedas” dos royalties nem da “crise” mundial. Já falamos em outras oportunidades que a crise mundial é mais que mítica: ela é oriunda de mercado de capitais, onde é a especulação e não a materialidade econômica a alma dos negócios. Um amigo alto funcionário da Peugeout de Porto Real revelou-me que as demissões da empresa têm se dado, em geral, por precaução diante da crise, não por sangramento ou déficit nos cofres públicos, ou seja: a crise não é crise, é medo da crise chegar. É como o rapaz que, por medo de ser assaltado, mata a pessoa ao lado, sem saber se ela a assaltaria mesmo. No caso da Prefeitura, há a crise no sentido da falta de dinheiro; mas dizer que ela vem dos royalties e de uma “crise” mundial é fazer o povo de idiota.

O gesto de corte das grandes portarias, no entanto, não deixa de ser corajoso, já que há o grande risco de esvaziamento de apoio político ao Prefeito por causa do gesto. Mas cabe observar as folhas de pagamento da Prefeitura nos próximos meses, a fim de ver se, de fato, os cortes foram feitos, pois ainda é possível que a redução dos gastos nas portarias seja tão “real” como a mudança na estrutura das Secretarias de Governo. Por outro lado, é preciso lembrar que há formas de reagrupar os comissionados com salário reduzido em outra funções, inclusive terceirizadas e transversas, para compensar seu prejuízo e garantir apoio, seja em empreiteiras ou prestadoras de serviços.

Ainda acho melhor tirar dos “ricos” para dar aos pobres...no entanto, pelo que eu saiba (e posso estar errado), os cargos do Prefeito, Vice-Prefeito e Secretários são passíveis de redução salarial também, e reduzi-los, aí sim, seria fazer sangrar na própria carne, como diria o Lula. E por que isso não é feito? Talvez pelo mesmo motivo que faz a reforma das Secretarias não ter saído até hoje.
Cabe lembrar também o decreto recentemente publicado que garante auxílio-alimentação aos servidores da municipalidade. Não sei se ele já está sendo colocado em prática.

Pode ser que eu esteja errado em afirmar a redutibiidade dos salários de Secretários. E tomara que eu queime a língua, e veja a redução (de fato) das portarias de mais de R$ 900,00, bem como uma reforma do Secretariado que (de fato) reduza notavelmente os gastos com a classe. Feito isso, elogiarei, sem temer, assim como tento aqui mostrar o outro lado do corte das portarias sem temor. De qualquer forma, cortar na carne agora, só no açougue mais barato. E só 20%.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

MIGALHAS - campanhas que dão certo sem querer...



---------- Nossa campanha "neste MOMENTO sinto-me COMPLETO" tem sido um fiasco. Com a não-adesão popular, nosso FuDAS (Fundo Desesperado de Assistência Social) fica inviável, e nosso blog continua na sarjeta.


---------- Porém, nossa outra iniciativa, o TROFÉU TEIA DE ARANHA, oferecido aos blogueiros que mais demoram a atualizar seus blogs, caiu nas graças do povo, se considerarmos Tomás Baggio, Totonho e Fábio Emecê o povo (sem piadinha com nomes de jornal).


---------- Premiado na primeira edição, com 3 semanas de não-atualização, o rapper e professor Fábio Emecê atualizou seu blog prontamente (http://www.objetivosrelativos.blogspot.com/), com medo da reincidência.


---------- O jornalista/ Editor-chefe da Revista Cidade Tomás Baggio, temeroso em ser o próximo contemplado, fez o mesmo: postou em seu blog (http://www.baggiodigital.blogspot.com/) uma série de comentários e notas interessantíssimas, incluindo fotos presidenciais mui respeitosas e pudicas. Escapou do Prêmio Teia de Aranha também.


---------- O próximo ameaçado é o companheiro artista plástico Flávio Pettinichi (http://www.artenasveias.blogspot.com/ ), paradão há incríveis 5 semanas. Toda a classe artística e em especial a galera da Tribal (alô Fernando!) é requisitada para se mobilizar e impedir a entrega de tal premiação mais que sórdida.



---------- O Projeto Noites Literárias de segunda-feira rendeu. A idéia da continuação do evento no dia 20 de julho foi muito legal. O clima intimista empolgou até José Correia e Guilherme Guaral, que ao contrário do que se pensou, não estavam programados para recitar no "roteiro oficial", supondo que ele tenha existido.



---------- O "Bonde dos Secretários" promete atacar de novo dia 20 de julho. Ou não.


---------- O Presidente da Câmara Municipal Alfredo Gonçalves também esteve presente no Noites Literárias. Há quem diga que teve vontade de recitar uma poesia ou entoar uma canção de Roberto Carlos, mas preferiu guardar a voz para a Sessão do dia seguinte.



---------- Nesta sexta-feira estréia um novo e interativo programa no Canal Comunitário TV Jovem, que atinge principalmente o bairro Jardim Esperança. O programa vai rolar toda sexta, a partir das 11h30min. Vale à pena conferir.



---------- Lucas Miiller (apesar de frio, tosse, resfriado e outros caboclos) e a galera dos Treze terminaram mais um trabalho. Mas estou com preguiça de contar: acessem o blog do Tomás.



----------

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Blog da Cultura, nossa campanha, análise do completo...




---------- Acabou se ser lançado o Blog Oficial da Secretaria de Cultura: http://www.cabofrioculturaviva.blogspot.com/ no Teatro Municipal de Cabo Frio. Vale à pena conferir. Diz-se que há uma homenagem/presente oferecido a Totonho logo na capa...

---------- Estiveram presentes o Presidente da Câmara Municipal, Alfredo Gonçalves; o Professor Paulo Cotias, entre outras figuraças. O notável da noite foi a investida dos Secretários José Corrêia (Comunicação Social) e Guilherme Guaral (Cultura), que romperam o protocolo (?) e subiram ao palco para improvisar declamação de poesias, textos e pequenos discursos. Quem viu se espantou, mas aplaudiu.

---------- Nossa campanha "Neste MOMENTO sinto-me COMPLETO" (postagem abaixo) não recebeu ainda nenhuma adesão. Suspeita-se de boicote dos donos dos dois empreendimentos de informação.


---------- O jornal COMPLETO chegou. Boas matérias, especialmente a de Andréa Sarmento sobre o TV Jovem. Nas notas de contracapa, cobra a presença da Guarda Municipal em outros bairros da cidade: parecia um alento de independência. ..


---------- ... porém, há um caso diferente que envolve toda a minha gente, como diria Paulinho da Viola: na matéria sobre o fundo partidário, o jornal fala do PR, quer perdeu sua cota por problemas na prestação de contas, já que é resultado de fusão do PRONA e do PL. Ao fazê-lo, cita que Dr. Paulo César é Deputado pelo partido. Porém, ao falar que o PPS também perdeu sua cota por irregularidade na prestação de contas, o Completo esqueceu de falar que há Vereadores e subprefeitos do Governo Municipal que são membros do Partido. Mero acaso...


---------- As páginas especiais para Tamoios, Búzios e Jardim Esperança não são à tôa...


---------- A idéia de colocar o "nossa opinião" ao lado de determinadas reportagens é boa. Dá ao jornal a liberdade de veicular tudo, porque apresentará sua cara, parcial ou não, em seguida. Caberá à equipe usar bem ou não essa chance que ela mesma se deu.


---------- Além da não citação dos membros do PPS, que até passa (???), houve outra coisa que pegou mal, não pelo que foi escrito, mas pelo lugar no qual apareceu. Mas essa crítica construtiva será feita primeiro pessoalmente, depois postada por essas bandas virtuais.


---------- O debate do Cidade Viva sobre cultura deve pegar fogo dia 24. Espero.


---------- O Professor Paulo Cotias anda todo bobo com o novo blog (http://www.nuncali.blogspot.com/), com o Cidade Viva e com a possível vinda da UERJ.


---------- O Riala está na área. Só não pode morrer na praia. Nem na piscina.


---------- O sol brilha por si. Por causa do que li.
---

domingo, 14 de junho de 2009

Campanha "Neste MOMENTO, sinto-me COMPLETO"


"Neste MOMENTO sinto-me COMPLETO" é a nova campanha deste blog para arrecadar fundos destinados à sua própria sobrevivência. Com a explosão de sucesso do Blog do Totonho, outrora denominado O MOMENTO, hoje portador de anúncios e propagandas de grandes multinacionais, que lhe oferecem soma milionária de dólares por qualquer simples citação virtual, é mais que justo solicitar, a ele e ao misterioso dono do novo jornal COMPLETO (que não é de Carlos Victor, nas palavras de Totonho), que reservem 1% de sua arrecadação editorial e virtual para alimentar o FuDAS - Fundo Desesperado de Assistênca Social deste blog.


Mostre sua adesão à campanha, postando seu comentário com a frase "neste momento sinto-me completo", ou crie qualquer outra frase idiota com os dois nomes para contribuir...

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Novo Blog e jornal na área



* O Professor Paulo Cotias lança novo blog na cidade: NUNCA LI (http://www.nuncali.blogspot.com/). Num estio mais descontraído, fala do que se ouve na cidade, notícias oficiais e ficiosas, novidades do Projeto Cidade Viva e outras coisas mais. Inclui até uma sessão no estilo "refresco" do blog do Totonho. Vale à pena conferir.


* O tão aguardado (?) jornal Completo está nas bancas e ruas a partir de hoje. Não li ainda. Mas o site é bom: http://www.jornalcompleto.com.br/ A próxima enquete do blog deve ser: qual é o nome do dono do Completo? Ninguém sabe...ou como diria Paulo Cotias, nunca li...






* Este blog está instituindo hoje o Prêmio Teia de Aranha, oferecido aos blogs que estão atrasados em suas atualizações. A estréia do prêmio está na coluna "as últimas dos blogueiros" e seu objetivo é estimular as atualizações de informações nos blogs da cidade

Migalhas cafeinadas


---------- Animadamente, papeavam hoje na mesa do Café Cyber Tel (menos conhecido como Café do Joaquim) Totonho, nosso Guru; Paulo Kleim e Octávio Perelló. A mesa recebeu posteriormente a visita de Monsenhor Aroldinho Póvoas, Flávio Pettinichi e Fernando Chagas, Vice-presidente da tribal.


---------- As conversas não poderiam ser outras: O Momento e o Completo. “Em alguns momentos, apenas, me sinto completo”, foi a frase que encerrou o primeiro bloco do diálogo.


---------- A cultura foi o tema da mesa em seguida, com a alegria da Tribal, oriunda da participação nos Pontos de Cultura do Estado. A placa do teatro municipal, outras placas perdidas, o Conselho Municipal de Cultura e o blog da Secretaria de Cultura foram os outros subtemas do debate que ali se estabeleceu. Todos foram convidados para o evento do dia 15.



---------- Ao final, um ritual religioso: o nosso guru Totonho psicografava timidamente um texto para ser incluído em seu blog. O que diria ele? Pelo menos seu segredo foi descoberto – a comunicação com espíritos de internautas falecidos lhe dá o sucesso na rede. Esperamos que sua conexão com o além seja banda larga. Amém.


--------- Poucas horas depois, Octávio Perelló cruzava o Canal, próximo ao Restaurante Tia Maluca, para onde se encaminhou o Secretário de Comunicação, José Correia. Bebeu um chopp solitário e partiu. Pelo menos, o Chopp foi Completo.



---------- Já que Totonho preferiu omitir, eis os detalhes: um dos membros da mesa portava um clássico vinco numa bermuda cáqui,sustentando ainda em seus grande ombros uma alinhada camisa social vermelha. O vermelho de fato foi a cor da conversa, levando um dos membros a, de súbito, trocar a mesa iluminada por uma à sombra, sob a curiosa justificativa: velhos ficam rapidamente vermelhos ao o sol...



---------- Vale à pena divulgar o blog do artista Flávio Pettinichi (www.artenasveias.blogspot.com) e da TRIBAL (www.tribalcultural.blogspot.com). Já o blog da Secretaria de Cultura, decerto, deixará Totonho (muito) feliz.


**********

quinta-feira, 11 de junho de 2009

A (À) ESPERA...


Rodoviária do Rio, menos desconhecida por ante-sala do inferno, ainda que locada no bairro do Santo Cristo, que pelo menos por aquelas bandas, ainda não está afim de ir pro mar. Véspera de feriado, são poucos os idiotas como eu que ali se arriscam a buscar uma poética nau que os leve de volta a seus lares: pessoas normais estão saindo de casa, não voltando para elas. Sentado num meio fio que me sobra em meio a passagens trocadas e esporros de guardas municipais, resta-me esperar.

Esperar e imaginar os mineiros que moram em Espera Feliz. Que beleza de cidade deve ser! Não posso crer que, por lá, esperem-se ônibus por horas, nem que haja atendimentos em agências bancárias com 976 caixas, mas apenas 3 funcionários disponíveis. Penso que, no máximo, seus moradores devem esperar a mulher amada, com a tranqüilidade desesperada dos que sabem o que querem, com a paciência nervosa dos que apenas aguarda o cumprimento daquilo que já celebram no interior de suas esperançosas veias.

Não me é menos absurdo pensar o que faz um morador de Ponto de Pergunta, Estado do Rio, que mal aparece no mapa – o lugar, não o morador. Seria um questionador intermitente? Ou, como diria Da Matta, um perfeito executor do auto-exorcismo antropológico, imitando a criança, que a tudo provoca com seu “por quê”? Seguindo a tendenciosa metáfora, sabe deus – seja ele qual for – se o morador de Ponto de Pergunta seria ele mesmo o apaixonado dubitoso, dos que, de tanta certeza do que sentem, temem a incerteza dos fatos, amedrontam-se diante das possibilidades de não-correspondências – ainda que estas sejam mínimas – e, ainda que imersos em situações de dúvidas e incertezas(mas que situação não é de dúvida ou incerteza?),amam como se tudo já estivesse resolvido (mas quem disse que amar tem haver com resolver?).

Enquanto adentrava no tosco ônibus de retorno, mais recheado de confusões e desentendimentos empresariais do que de passageiros, pensei se não poderia trazer na mochila um exemplar humano de cada cidade daqueles dois ônibus que me encantavam. Testaria a adaptação desses cidadãos em Cabo Frio, estuda-los-ia e concluiria: suas almas conectam-se ou não com os nomes de suas cidades? Mas fica para a próxima oportunidade. Afinal, hoje é feriado, dia de permanecer esperando em meio a perguntas. Mas com a certeza de que sempre haverá um ônibus certo para cada passageiro, ainda que com horários trocados.

MIGALHAS BLOGUEIRAMENTE CULTURAIS


---------- A Secretaria de Cultura de Cabo Frio lança na segunda-feira, dia 15, às 20h, no teatro municipal, seu blog oficial. É mais um na lista de blogs da cidade, que só aumenta em tamanho e, em geral, em qualidade.Esperamos que não imite outros canais oficiais de governos e grupos, onde a chapa é quase transparente de tão branca.



---------- Só o fato de ser um blog já causa alívio – a possibilidade dos esperados comentários, ainda que possam ser moderados, bem como a facilidade de interação, trazem uma expectativa de ser menos ruim.



---------- O que se comenta é que a equipe de produção do blog tem trabalhado justamente para dar uma arrepiada nesse universo de informação oficial.



---------- A notícia que corre é que, para isso, o blog da Secretaria de Cultura estará exibindo a gravação de uma entrevista informal e exclusiva, onde as perguntas não foram chapa branca, e as respostas, menos ainda.



---------- Além disso, há a promessa de espaços livres de discussão sobre temas culturais.


---------- É esperar pra ver. A noite do dia 15 parece que vai bombar. De um jeito ou de outro



---------- Em tempo: de qualquer forma, nosso bom guru Totonho vai rir à toa... é mais um membro na discussão blogueira da cidade


**********

quarta-feira, 10 de junho de 2009

NOVAS MIGALHAS...



---------- O Ilapso (www.ilapso.com.br) é um site que tem o objetivo de criar um arquivo virtual de fotos da cidade de Cabo Frio. Com a presença de 100 profissionais, a mostra "100 olhares" tem feito sucesso na net e ajuda - e muito - na valorização do profissional da fotografia.


---------- O Observatório Ambiental Humano Mar (www.humanomar.com.br) também dá um show de projeto, integrando cinema e meio-ambiente. Quem fuxicar, descobrirá muita coisa boa sobre uma galera local que já está desenvolvendo o Observatório Cabo Frio: Thadeu Burached, Lucas Müller, Natália Lima, Marcos Homem, Renata Grazinoli, Ravi Arrabal, Felipe Novais, Lica, Tomas Baggio, Sâmela Mota e Mariana Ricci são os nomes dos anti-meliantes, e basta acessar www.humanomar.com.br/busca/cabo%20frio para ver a performance desse pessoal.









---------- O Professor José Facury também afirmou recentemente ser leitor deste blog, mas tem encontrado dificuldades de publicar seus comentários. Desde que não seja nenhum impedimento de ordem espiritual, mas sim cibernética, esperamos em breve a solução da questão para dar maior qualidade a essas páginas
























---------- A propósito, o Teatro Municipal de Cabo Frio apresenta a premiadíssima peça "Carroça dos Sonhos", dias 06 e 07 de junho. Vale à pena conferir.
























---------- O Professor Chicão será o primeiro a visitar o Cristo no Mar. E ainda fará suas orações.
























---------- Hoje é dia de Oswaldo Guimarães no Teatro Municipal: é o Canta Brasil 4.
























---------- Hoje também é dia de apresentação de filmes do Taberna Filmes, na Sala Chico Tabibuia, sub-Prefeitura de Tamoios, a partir das 19h.


















---------- A Pousada Villa Rosada, no Jardim Excelsior, 90, apresenta a Mostra de Arte Total, a partir das 20h. O evento rola sexta, sábado e domingo no mesmo horário.






-------- Para encerrar, o Portinho Boêmio, evento que se consolidou em Cabo Frio, faz aniversário hoje, e a promessa é de muita música, em estilos variados, para comemorar a data.


















---------- O abaixo-assinado pela preservação da Casa do fotógrafo Wolney Teixeira já conta com mais de 600 assinaturas segundo Tomás Baggio, chefe de redação da Revista Cidade.
























*******

quinta-feira, 4 de junho de 2009

MIGALHAS - Timbalada, Cultura, Esquetes, Delegacia e tudo mais




--------- Dia 12 de junho tem show da banda timbalada para comemorar o dia dos namorados, durante o feriadão de Corpus Chrsti. Como já dissemos, faz parte da infeliz tendência da atualidade no que diz respeito a eventos na cidade: os grandes shows, quando acontecem, passaram a ser privatizados. No mesmo feriado, Rio das Ostras ostenta seu magnífico festival de Jazz e Blues, ao passo que Marica presenteou a população com shows gratuitos de Leoni e Cláudio Zoli na semana passada.


---------- E a Cabo Frio Tur???


---------- O Projeto Cabo Frio Cultura Viva continua nas escolas da cidade e em Tamoios. Nessa sexta-feira, exibição de filmes da galera do Taberna na Sala Chico Tabibuia à partir das 19h.


---------- A Coordenadoria de Cultura vem com novidades. Aguardemos.


---------- A terceira edição do criativo e divertido informativo sobre o festival de esquetes foi lançada. Confira:




---------- Aliás, o terceiro informativo do Festival fala do reforço que a equipe de organização recebe com a entrada da jongueira Soraya, menos conhecida pelos companheiros do curso de história da UVA como Soraya Barraco. Explicações com a própria...

---------- No mais, abraços a ela e ao seu esposo Zé, que se autoflagela lendo esse blog vez em quando...

---------- Em homenagem a alguém que mora no meu coração, o "autoflagela" acima segue as regras da nova ortografia: prefixo terminado em vogal perde o hífen. Putz!


---------- O Prefeito Marquinho Mendes encaminha conversas para a instalação da Delegacia Legal e de Cadeia Pública no Município. Enquanto isso, promete a pronta instalação das câmeras de segurança, que poderão sanar a ociosidade do prédio da central de monitoramento, construído na praia do Forte, com estética questionável para muitos.


---------- A Delegacia Legal, há muito já falada, especialmente nas campanhas de 2008, é uma boa. A cadeia pública é discutível, e pode ser símbolo de que a discussão da segurança pública na cidade passa apenas pela prisão dos meliantes. A discussão, pois, deve ser pela segurança preventiva também, não só a repressiva.


--------- Nesse sentido, a semi-ocupação do Jacaré pela PM é interessante. A possibilidade de evolução do quadro para a instalação do modelo de Polícia Pacificadora, como nos morros da Zona Sul do Rio, enchem de esperança a população. Um próximo passo poderia ser a implantação de palestras nas escolas, como faz a PM da capital carioca.

---------- "Tia" Elzinha Santa Rosa disse que gosta de ler as estranhas colunas (por enquanto extintas) desse blogueiro na Folha dos Lagos. Definiu o estilo como um "radicalismo promissor". Isso dá uma monografia. Ou não...



**********

ARTIGO - Prazer, Wolney


PRAZER, WOLNEY


Na terça-feira, uma galera muito boa organizou um manifesto artístico, pacífico e criativo em relação à histórica casa do fotógrafo Wolney Teixeira, na Rua Érico Coelho. Utilizando o espaço em frente à antiga residência, pertencente aos correios, foram exibidas fotos e filmes referentes à temática.

O interessante foi notar como as pessoas que por ali passavam faziam na hora o até então inédito link: sim, o cara que tirava as fotos antigas da cidade, vistas em vários cantos, comércios e instituições dela, morara ali. Os olhares nervosos e variantes para a esquerda e para a direita, mostravam que aquela era a primeira vez que os transeuntes ligavam uma coisa à outra.

A questão é mais que problemática. A família do fotógrafo negociou a casa, ao passo que sua degradação levou o Ministério Público a arrolar Prefeitura como devedora de reforma do prédio, por entender ser um bem público. Com a inércia, a dívida acumulou-se, e agora, as únicas saídas para a Prefeitura são gastar dinheiro, seja para a reforma, seja para o pagamento da dívida. Em tempos de misteriosas crises financeiras, que atingem das resmas de papel ao ordenamento de despesas para ações públicas, o Governo cai na barricada que não poderia, e ainda leva de brinde um aumento de impopularidade.

O setor cultural da cidade agiu bem com a reforma do Charitas e a transferência para novo prédio, bem como com a negociação, ainda travada, para a aquisição do acervo de Wolney. Falando da transferência para novo prédio, aliás, a reportagem da Folha dos Lagos de quarta-feira registrou que nenhum dos membros do Governo presentes na inauguração do novo espaço, na mesma terça-feira de manhã, se fez presente no ato da Rua Érico Coelho. Não estava ali para conferir, mas se de fato esse foi o ocorrido, Vacilum est, diria o profeta. Seria boa oportunidade de mostrar desejo de diálogo e harmonia com determinadas manifestações extra-governamentais.

Eu mesmo pude aproveitar as delícias do café que inaugurou o espaço para, em seguida, prestgiar, ainda que rapidamente, o evento que falamos. Os TNT's se colavam, a caixa de som chegava tímida e a panfletagem se aninhava. Pela infelicidade de uma consulta oftalmológica, tive de me ausentar quando o evento, na verdade, começava oficialmente. O resultado foi 1,25 para a vista esquerda e 0,5 para a direita, e a necessidade de um futuro óculos a enfeitar essa feia caraça. Tomara que pelo menos algumas coisas eu já esteja enxergando bem.





*****

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Migalhas...



---------- O apresentador Vinicius Canisso e o Coordenador de Cultura Guilherme Guaral são os mais novos leitores declarados deste blog. Do jeito que vai a maré, em breve, teremos cerca de 10 acessos. Por ano.








---------- O Deputado Alair Corrêa está transformando o antigo prédio da Imobiliária Costa Azul, ao lado da Câmara Municipal, que já foi seu comitê de campanha ano passado, no prédio da administração do Parque Aquático do qual é dono e idealizador, chamado docemente de RIALA (Alair ao contrário). Dizem que o recado é que ele não vai nadar para morrer na praia...








---------- A Missa das 20h de domingo promove encontros semanais entre o ex-Vereador e atual Secretário de Finanças de Búzios, Jânio Mendes; o ex-presidente da Câmara de Cabo Frio, Vereador Luís Geraldo; e o Vereador Dr. Taylor. Todos estavam animados no abraço da paz.






---------- Amanhã acontecerá um manifesto em frente a casa da família do fotógrafo Wolney Teixeira, a partir das 10h, rolando o dia inteiro. É mais um capítulo no impasse acerca das providências a serem tomadas sobre a preservação da histórica casa, tendo, entre um intervalo e outro, a novela sobre o acervo do fotógrafo.


***************